Em pronunciamento na Alepe, Diogo Moraes assegura que Polo de Confecções do Agreste nunca teve um governador com a atenção e zelo de Paulo Câmara


Nesta terça-feira (04), o primeiro-secretário da Alepe, deputado estadual Diogo Moraes (PSB) presidiu a 99ª reunião ordinária, conduzindo os trabalhos da mesa. Inscrito no Grande Expediente, subiu à tribuna para falar do avanço das obras de Esgotamento Sanitário de Santa Cruz do Capibaribe, que terá, no término de sua implementação, 100% do município saneado, beneficiando mais de 200 mil habitantes. Com recursos de R$ 101 milhões, a intervenção do Governo Estadual, por meio da COMPESA, está em ritmo acelerado, assim como as demais obras governamentais na região do Polo de Confecções do Agreste. 

Em seu pronunciamento, Diogo Moraes falou da satisfação em ver esta importante obra sendo executada em Santa Cruz do Capibaribe, destacando-a como uma obra grandiosa. “Para se ter uma ideia, apenas o parque da estação de tratamento possui mais de 3 hectares. Só o trecho de passagem dos dutos conta com sete metros de altura, que vão ser responsáveis por tratar os resíduos de toda a cidade”, disse o parlamentar. Para Moraes, a iniciativa também trará grandes efeitos sob a população, a curto, médio e longo prazo. “ Essa é uma obra que a gente enxerga o futuro. É através do esgotamento sanitário que se conquista a melhoria da qualidade da saúde pública, do bem estar social. Para que a gente possa prever Santa Cruz como uma cidade também 100% calçada, pavimentada”, destacou. 

De acordo com o socialista, apenas 5% das cidades possuem o privilégio de possuir 100% de esgotamento sanitário. “Isso é fruto de esforço do Governo do Estado, do governador Paulo Câmara. Além disso, temos ainda a Adutora do Alto Capibaribe. E nesse ponto, preciso agradecer ao governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, por ter dado a outorga da água que iremos buscar lá no Rio Paraíba. São 58 km de tubulações que buscarão água pra novos municípios do agreste setentrional de Pernambuco. Estamos fazendo a transposição da transposição do Rio São Francisco com uma obra de R$ 82 milhões de reais, que só foi possível graças à sensibilidade do governador Paulo Câmara”, declarou Diogo Moraes. 

O Governo de Pernambuco no Polo de Confecções do Agreste

O parlamentar citou ainda demais ações do governo estadual ao longo dos últimos anos, ressaltando a parceria e atenção para com a região do Polo de Confecções do Agreste, onde todos os pleitos estruturadores levados pelo deputado foram atendidos. “Por outro lado, quero destacar a maior obra viária que o Governo do Estado está fazendo em nosso Estado: a duplicação da BR 104 até o Moda Center Santa Cruz. Obra que beneficia não só quem vende e quem compra, mas também a toda logística da região”, lembrou Diogo Moraes. Segundo o deputado, a obra já passa pelo perímetro urbano em ritmo avançado. 

Diogo ressaltou ainda o olhar para a questão fiscal. “Fizemos o maior plano tributário que uma região podia ter. Pegamos os Atacadistas e reduzimos os impostos de 17% para 4%. As lavanderias de Jeans do Polo, que são responsáveis de 12% da produção de todo Brasil, baixamos os impostos a zero. Esbarramos no problema das notas fiscais, onde pessoas humildes que compravam de pessoas humildes tinham suas mercadorias presas nas fronteiras, por falta de notas fiscais. O Governo de Pernambuco, com toda a sensibilidade, enxergando os que mais precisam, fez o Expresso Cidadão da Moda, onde aqueles que não tem condição de emitir nota fiscal, emitem sua nota e vão pra qualquer lugar do Brasil pagando apenas 2% em cima da mercadoria que foi comprada a dona Maria, seu João.  

Segundo Diogo, essa infraestrutura necessária pra imprimir nota, como internet, computadores, disponíveis no Expresso, foi a saída para o mercado local não sucumbir. “ São 400 mil empregos diretos e indiretos. Semanalmente, são 150 mil compradores. Só no Moda Center são cadastrados 57 municípios que vendem dentro daquele complexo”, acrescentou. Para o parlamentar, os outros eixos de ações complementam uma ampla visão de investimentos na região, a exemplo da construção da Escola Técnica José Nivaldo Ramos, da Escola de Referência, da construção das quadras poliesportivas. A construção da coberta e do piso do Calçadão da Moda, entre outros. “Nossa região nunca teve, mesmo com toda história de Miguel Arraes, de Eduardo Campos, um governador como Paulo Câmara”, assegurou o deputado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paulo Câmara: "As pessoas sabem o que é melhor para Pernambuco"

Durante caminhada em Limoeiro, candidato à reeleição foi recebido com muito entusiasmo pela população, que se mostrou fechada com a Frente ...

POSTAGENS MAIS ACESSADAS