Conta de luz sobe quatro vezes mais do que a inflação

Para bancar térmicas, governo cobra taxa extra de quem consome mais energia. 
Crédito: Saulo Cruz/MME

A tarifa de energia elétrica já aumentou 13,79% em 2018, índice quatro vezes maior do que o IPCA de janeiro a julho, que foi de 2,94%. A disparada é resultado de uma série de fatores, entre eles falta de chuvas, a alta do dólar e o crescente peso dos subsídios, encargos e tributos. A tendência é de novos aumentos, que comprometeriam ainda mais a renda da população.

Segundo o diretor geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino, além das questões conjunturais , como o baixo volume de chuvas, outros fatores têm pesado no custo da energia. Um deles é a decisão do governo de elevar o volume de encargos na conta para bancar, inclusive, programas que não têm relação com o setor. ~

(Do Estadão)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara