Postagens

Mostrando postagens de Maio 8, 2018

Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe realiza laudo no estádio municipal visando segurança e preparativos para o São João da Moda

Imagem
A Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, através da Secretaria Executiva de Esportes, realizou no dia 11 de abril, um laudo técnico de vistoria no Estádio Municipal Ari Barbosa (Aryzão). A ação faz parte dos preparativos do São João da Moda 2018, que terá toda estrutura no local, e após encerrado os festejos, o local voltará a receber as partidas dos torneios locais.
De acordo com o engenheiro civil Valmiro Silveira, foram constatadas diversas anomalias no local, como fissuras e problemas na estrutura de concreto da parede lateral do espaço. No laudo, o engenheiro cita que “diante da ausência de manutenção ao longo de sua vida útil, à agressividade química por efeito da carbonatação e ação de cloretos, gerando uma degradação e segregação dos componentes do concreto, contribuindo para o processo de corrosão da armadura e, caracterizando falha de desempenho e requerendo uma intervenção técnica de imediato”.
Na vistoria efetuada foram verificadas as seguintes anomalias e falh…

'Se Eduardo estivesse vivo seria presidente e não passaria por isso', diz secretário

Imagem
Evaldo Costa exaltou Eduardo e disse que ele precisaria do direito de ampla defesa
A denúncia foi apresentada em outubro de 2016, pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, antecessor de Dodge no cargo Foto: Acervo/JC Imagem
JC Online Com informações da Rádio Jornal
Após a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, declarar que o ex-governador Eduardo Campos não foi denunciado porque "faleceu, extinguindo-se sua punibilidade”, o Secretário de Comunicação Institucional do Governo de Pernambuco, Evaldo Costa (PSB), saiu em defesa do ex-governador e rebateu a declaração na manhã desta terça-feira (8) em entrevista ao programa Super Manhã, da Rádio Jornal. Ele afirmou que tinha certeza que se Eduardo estivesse vivo ele não estaria passando pela situação que a procuradora afirmou. "Eu tenho convicção plena, que se Eduardo estivesse vivo hoje, ele seria presidente do Brasil e não passaria por isso", contou o jornalista. 
O secretário exaltou Eduardo Campos cr…

Joaquim Barbosa anuncia que não será candidato à Presidência

Imagem
O ex-presidente do STF alegou motivos pessoais para não disputar o Planalto nas eleições de outubro
Bernardo Bittar -  Especial para o Correio
(foto: Evaristo Sa/AFP)
Pelo Twitter, o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e ministro aposentado do tribunal Joaquim Barbosa, anunciou que não vai mais concorrer à Presidência da República nas eleições de outubro. O magistrado alegou "motivos pessoais" para a desistência. Joaquim tinha 14 milhões de simpatizantes declarados, cerca de 10% do total das intenções de voto, mesmo antes de concretizar sua pré-candidatura do Planalto.
Filiado ao Partido Socialista Brasileiro (PSB), Joaquim parece não ter se convencido sobre a própria candidatura. Com pinta de outsider, o ministro aposentado disse em abril que "ninguém se importa" com sua decisão de concorrer, ou não, à Presidência. A declaração ocorreu em seguida ao anticlímax da apresentação de Barbosa no terreno do partido.
Dirigentes pessimistas tentaram montar a e…

Deja Vu age contra esquema de R$ 200 mi na Petrobrás que envolve MDB

Imagem
Três ex-executivos da Petrobras e três operadores financeiros, um deles ligado ao MDB, foram presos na 51ª fase da Lava Jato nesta terça-feira, 8, por receber propina da Odebrecht
Fausto Macedo e Luiz Fernando Teixeira Do Estadão
Foto: JF Diorio/Estadão
A Operação Deja Vu, deflagrada na manhã desta terça-feira, resultou na prisão de três ex-executivos da Petrobrás e três operadores financeiros, um deles ligado ao MDB. A investigação aponta que a Odebrecht pagou propina equivalente a cerca de R$ 200 milhões entre 2010 e 2012 para obter um contrato com a Petrobrás de US$ 825 milhões.
A propina foi paga a funcionários da Petrobrás (a investigação diz ter provas de repasses de cerca de US$ 25 milhões), e a agentes que supostamente representavam políticos vinculados ao então PMDB, que teriam recebido outros US$ 31 milhões através de contas mantidas por operadores financeiros no exterior. Eles se encarregavam de disponibilizar o valor equivalente em moeda nacional, em espécie e no Brasil, a…

Deputado Aluísio Lessa comemora construção de complexo farmacêutico em Suape

Imagem
De acordo com o deputado, empresa anunciou que projeto deverá ter o total de R$ 500 milhões em investimentos. Foto: Roberto Soares
O lançamento da pedra fundamental da fábrica da Aché Laboratórios no Complexo Industrial de Suape, ocorrido nesta segunda (7), foi enaltecido pelo deputado Aluísio Lessa (PSB), na Reunião Plenária de hoje. A empresa do ramo farmacêutico anunciou que o projeto deverá ter o total de R$ 500 milhões em investimentos.
“O empresário que quer investir em Pernambuco sabe que é difícil conseguir o mesmo tratamento em outros Estados”, avaliou o parlamentar, ao comentar a decisão da Aché em instalar seu novo parque industrial em Suape.
Segundo Lessa, serão 200 postos de trabalho gerados na fase de construção, além de 500 empregos diretos e 2.500 indiretos quando o empreendimento estiver concluído. “A parte da construção civil será feita em parceria com empresas pernambucanas, o que garante que 100% desses empregos serão ocupados por pessoas do nosso Estado”, afirmou…

'Eduardo Campos só não foi denunciado porque faleceu’, diz Dodge

Imagem
A declaração faz parte de um memorial apresentado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin para reforçar a denúncia contra  o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE)
Fachin decidiu nessa segunda-feira (7) encaminhar o inquérito contra o agora emedebista para a 13ª Vara Federal de Curitiba (PR), sob responsabilidade do juiz Sérgio Moro - Foto: Heudes Régis/JC Imagem
Amanda Miranda do Blog do Jamildo
“O então governador Eduardo Campos tinha atribuição para tratar de todas as questões de infraestrutura e de incentivos fiscais relacionadas à Rnest (Refinaria Abreu e Lima. Ele só não foi denunciado porque faleceu, extinguindo-se sua punibilidade”. A declaração faz parte de um memorial apresentado pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin para reforçar a denúncia contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE). Fachin decidiu nessa segunda-feira (7) enca…

Campanha Nacional contra abuso sexual será lançada sábado (18) em Santa Cruz do Capibaribe

Imagem
Com o objetivo de mobilizar, sensibilizar e alertar a sociedade sobre a violação dos direitos sexuais da criança e do adolescente, acontecerá no próximo sábado (18 de maio), um evento em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, na AABB, a partir das 8h.
Com o slogan “Faça bonito. Proteja nossas crianças e adolescentes” o evento contará com a exibição de vídeos, falas e orientações com a equipe de Assistência Social da cidade e, ainda haverá, um concurso com as escolas municipais como forma recreativa de envolver os alunos e alertá-los sobre o tema, premiando no final uma criança e um adolescente.
O evento é uma organização da Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social, juntamente com o Centro Especializado de Assistência Social (CREAS), Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (CONDECA) e o Conselho Tutelar.
É importante que as crianças saibam e que os pais alertem diariamente sob…

ACUSADO DE PECULATO, GEDDEL EMPREGOU SETE PARENTES NA CÂMARA

Imagem
247 – O emedebista, amigo pessoal e ex-ministro de Michel Temer, Geddel Vieira Lima, preso na carceragem da Papuda desde setembro de 2017, empregou mãe, esposa, irmãos e cunhadas na câmara federal. Os parentes ocuparam postos de assessores em mesas diretoras ou atuaram como secretários parlamentares. A primeira nomeação de um Vieira Lima para o Congresso data de 1975, quando a mãe de Geddel assumiu um cargo no gabinete do próprio marido, o então deputado federal Afrísio Vieira Lima (PL).
“Além da mãe, o próprio Geddel e seu irmão ocuparam cargos no gabinete do pai nos anos 1980. O outro irmão, Afrísio Vieira Lima Filho é o único da família que mantém cargo na Câmara até hoje. Desde 1997 é diretor legislativo e tem salário mensal de R$ 33,9 mil. As mulheres dos irmãos Geddel, Lúcio e Afrísio Filho também ganharam cargos.
Alessandra Vieira Lima foi nomeada em 1997 pelo então presidente da Casa, o hoje presidente Michel Temer (MDB), aliado de Geddel. De 2007 a 2009, ela foi assessora na …