Cidadania pede a saída de Jorge Kajuru sob acusação de crime de responsabilidade

Senador gravou conversa com o presidente Jair Bolsonaro no qual fala sobre CPI da pandemia e impeachment de ministros do STF; 
ele deve ir para o Podemos

Por iG Último Segundo

Waldemir Barreto/Agência Senado
Senador Jorge Kajuru deve ir para o Podemos

O Cidadania pediu, nesta segunda-feira (12), a saída do senador Jorge Kajuru (GO) da legenda sob acusações de que teria cometido crime de responsabilidade ao conversar com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre a instalação da CPI da Covid e a abertura de pedidos de impeachment de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Kajuru deve se filiar ao Podemos. Ele vai conversar com o líder do partido no Senado, Alvaro Dias, nesta terça-feira (13). Em reunião online com correlegionários do Paraná na noite desta segunda, Alvaro confirmou que Kajuru vai se filiar à legenda.

Nota do Cidadania

Em nota, o Cidadania condenou o que chamou de "interferência do Executivo no Senado" e de "clara tentativa de intimidação de ministros".

“O Cidadania reafirma a defesa irrestrita do estado democrático, dos valores republicanos e da separação entre os Poderes, especialmente do papel da Suprema Corte como guardiã da Constituição”, diz a nota, assinada pelo presidente do partido, Roberto Freire.

Leia também

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Filho deve substituir Aragão candidato em Santa Cruz