Danilo defende redução de impostos para quem ganha menos e taxação das grandes fortunas


Em entrevista ao vivo à Band News, veiculada em todo o país, nesta terça-feira (26), o deputado federal e pré-candidato a governador de Pernambuco, Danilo Cabral, defendeu uma reforma tributária urgente no Brasil. Danilo quer que as grandes fortunas sejam taxadas de modo que os que ganhem mais, paguem mais imposto; livrando, assim, a classe trabalhadora da alta carga tributária. Para tal, ele apresentou junto a outros parlamentares do PSB o Projeto de Lei Complementar 9/2019 nesse sentido.

“Infelizmente, temos no Brasil, hoje, uma política tributária que é baseada no consumo. Temos que mudar o foco do consumo e jogar para a renda e o patrimônio. Foi essa proposta que nós apresentamos no Congresso Nacional. O PSB subscreveu essa proposta, que é aquela que diz que a gente deve atacar as grandes fortunas, e, sobretudo, lucros e dividendos. Poucas pessoas no Brasil ganham muito dinheiro e pagam poucos impostos. O que queremos e vamos fazer aqui em Pernambuco é essa lógica de a gente ter uma justiça fiscal e uma justiça tributária. Quem ganha mais, tem que pagar mais. Quem ganha menos, tem que pagar menos”, assegurou Danilo.

O pré-candidato quer fazer da política fiscal um instrumento de geração de oportunidades e renda para as pessoas. “Nós temos, por exemplo, um polo de confecções no Agreste pernambucano, que é conhecido nacionalmente; e de onde sai quase toda a produção do jeans do Brasil. A gente tem, inclusive, uma política de desoneração para que a gente possa preservar a atividade econômica. A lógica tem que ser essa, volto a dizer: quem ganha mais, tem que pagar mais. E quem ganha menos, tem que pagar menos”, reforçou Danilo.

PACTO PELA ÁGUA - Na entrevista à Band News, Danilo voltou a assumir o compromisso de criar no seu futuro governo o Pacto Pela Água, a exemplo do que fez na primeira gestão de Eduardo Campos com o Pacto Pela Educação, quando era secretário da pasta. O trabalho iniciado por Danilo e Eduardo fez a Educação de Pernambuco dar um salto de qualidade tornando-se, hoje, a melhor do Brasil. Essa mesma revolução será levada para a gestão dos recursos hídricos e saneamento, de acordo com o pré-candidato.

“O desafio, agora, é fazer com que a água que chega nas cidades, chegue às pessoas a partir dessas obras estruturantes. Ontem, quando falamos desse assunto, nós anunciamos que temos um desafio no processo de distribuição para aqueles que estão não só em áreas urbanas como nas rurais também. E eu estou aqui assumindo um compromisso para que a gente faça um monitoramento pessoal. Eu sei da importância disso. Sou uma pessoa do interior, nascido no Agreste, uma região que tem o pior balanço hídrico de Pernambuco; conheço essa realidade de perto. E é de perto também que vamos monitorar como essa água chega nas residências das pessoas, a partir de indicadores objetivos”, afirmou Danilo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

'Chocante é o apoio à tortura de quem furta chocolate', diz advogado que acompanha jovem chicoteado