Nadal vence na Austrália e se isola como maior da história



SÃO PAULO, 30 JAN (ANSA) – O espanhol Rafael Nadal, de 35 anos de idade, se tornou neste domingo (30) o maior vencedor de Grand Slams da história do tênis profissional.

Atual número 5 do mundo, Nadal derrotou o russo Daniil Medvedev, vice-líder do ranking da ATP, por 3 sets a 2 e conquistou o Aberto da Austrália pela segunda vez na carreira.

Esse é o 21º título de Grand Slam na carreira do espanhol, que deixou para trás seus rivais Roger Federer e Novak Djokovic, cada um com 20 troféus.

O sérvio era favorito para ganhar o Aberto da Austrália e se tornar o maior vencedor da história, mas acabou expulso do país por não ter se vacinado contra a Covid-19.

Após superar uma lesão crônica no pé direito que o tirara do fim da temporada passada, Nadal teve uma caminhada relativamente tranquila até a decisão em Melbourne, mas precisou buscar uma virada histórica para ficar com a taça.

Atual vencedor do US Open e cabeça-de-chave número 1 na Austrália, Medvedev abriu 2 sets a 0 com parciais de 6-2 e 7-6.

No entanto, o espanhol reagiu e empatou a partida com dois sets vencidos por 6-4.

No quinto e último set, Nadal chegou a abrir 30-0 quando a partida estava em 5 a 4, mas viu Medvedev quebrar seu saque e igualar o placar. Contudo, o espanhol reagiu rapidamente, quebrou o saque do russo e depois confirmou o seu para sacramentar a vitória.

“Não sabia se poderia voltar a jogar tênis de novo e hoje estou aqui diante de vocês com esse troféu nas mãos. Muito obrigado pelo apoio caloroso”, disse Nadal após a partida.

“Um mês atrás eu talvez dissesse que seria meu último Aberto da Austrália, mas vou continuar me esforçando para voltar no ano que vem”, acrescentou.

O espanhol agora tem dois títulos no Aberto da Austrália, 13 em Roland Garros (seu Grand Slam favorito e o próximo da temporada), dois em Wimbledon e quatro no US Open. (ANSA).

IstoÉ

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

'Chocante é o apoio à tortura de quem furta chocolate', diz advogado que acompanha jovem chicoteado

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre