Paulo Câmara escolhe Carlos Neves para vaga no TCE

Carlos Neves pode assumir a vaga deixada pelo conselheiro João Campos, falecido em 22 de junho deste ano

Carlos Neves tem mais de 20 anos de atuação na advocacia
Divulgação
Editoria de Política
JC ON LINE

O conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Carlos Neves, foi escolhido, neste sábado (06), pelo governador Paulo Câmara para o Conselho do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE). O nome do advogado será submetido à Assembleia Legislativa (Alepe), nos termos da Constituição Estadual. Os deputados entraram em recesso legislativo nesta semana, com suas atividades sendo retomadas somente no mês de agosto, mas caso a Casa sinta necessidade, pode convocar uma sessão extraordinária para discutir a temática.

Com 44 anos de idade e mais de 20 anos de atuação na advocacia, Carlos Neves é mestre pela Faculdade de Direito de Lisboa, preside a Comissão Especial de Direito Eleitoral da OAB Nacional e é membro da Comissão Especial de Análise da Reforma da Previdência do CFOAB.


Trajetória

Carlos Neves foi membro do Conselho Consultivo da Escola Nacional da Advocacia (2006/2008), foi professor universitário de 2003 a 2013 e diretor-geral da Escola Superior da Advocacia da OAB-PE, no triênio 2016/2018. Hoje, ministra aula de pós-graduação e palestras em todo o país.

Atuação

Nas últimas eleições, Neves atuou como advogado do então deputado federal, atual senador, Jarbas Vasconcelos, no imbróglio pelo comando do MDB de Pernambuco. O caso chegou a ter ampla repercussão nacional e a ação de Neves se dava para impedir que o senador Fernando Bezerra Coelho (ex-PSB e depois MDB) tomasse o controle local do partido de Jarbas Vasconcelos e Raul Henry, e levasse o partido para a oposição ao socialista, desequilibrando o tempo de TV do PSB e aliados, em benefício da oposição, liderada por Armando Monteiro Neto (PTB). 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MÉDICOS CUBANOS GANHAM DESPEDIDA, NA SEDE DA UESCC, EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE