O campeão voltou!

Brasil vence o Peru por 3 a 1 e fatura o título da Copa América

Everton Cebolinha, Gabriel Jesus e Richarlison marcaram os gols da seleção brasileira na grande final

POR REDAÇÃO TUPI 
O Brasil derrotou o Peru por 3 a 1 na tarde deste domingo no Maracanã e conquistou o seu 9º título de Copa América na história. Everton Cebolinha, Gabriel Jesus e Richarlison marcaram os gols da seleção canarinho. Paolo Guerrero marcou o único gol da seleção peruana. Diferentemente do encontro entre as duas seleções na primeira fase onde o Brasil venceu por 5 a 0 na Arena Corinthians, a equipe de Tite encontrou dificuldades na grande final e precisou fazer uma de suas melhores partidas dentro do torneio para faturar o título da competição mais importante do continente. Com a conquista, o Brasil mantém a escrita de vencer todas as edições de Copa América disputadas no país.
Foi um primeiro tempo movimentado no Estádio do Maracanã. Com superioridade técnica e apoiada pela torcida, a seleção brasileira tomou a iniciativa do jogo desde o primeiro momento e o gol não demorou a sair. Aos 14 minutos, Gabriel Jesus fez o que quis com o lateral flamenguista Miguel Trauco e cruzou na medida para Everton Cebolinha. O atacante do Grêmio pegou de primeira e abriu o placar a favor do Brasil.
Quando tudo se encaminhava para um fim de primeiro tempo tranquilo para a seleção brasileira. Cueva tabelou com Flores na esquerda, tentou devolver a bola, que bateu no braço de Thiago Silva. O árbitro apontou para a marca do pênalti quando o relógio marcava 40 minutos. Na marca da cal, Paolo Guerrero bateu com convicção e empatou o jogo para o Peru. Aos 47, a seleção peruana tentou sair para o ataque em velocidade, mas Firmino foi esperto na recomposição e conseguiu a roubada. A bola sobrou para Arthur, que carregou até a beira da área e deixou Gabriel Jesus na cara do gol. O camisa 9 da seleção teve frieza e tocou no canto do goleiro Gallese para botar o Brasil na frente do placar novamente.
Apesar de ensaiar uma pressão no início da segunda etapa, o Peru não conseguiu oferecer muito perigo ao goleiro Alisson. A força do sistema defensivo brasileiro se fez presente novamente na Copa América. A seleção canarinho teve chances de ampliar a vantagem com chutes de média distância efetuados por Coutinho e Firmino, mas a pontaria não estava das melhores. Aos 24, Gabriel Jesus disputou no alto com Zambrano, o árbitro interpretou que Gabriel utilizou força excessiva no lance, recebeu o segundo cartão amarelo e foi para o chuveiro mais cedo. Revoltado, Jesus saiu do gramado aos prantos.
Após ficar com a superioridade numérica em campo, o Peru partiu para o ataque. Aos 27, Trauco recebeu dentro da área e chutou cruzado, obrigando Alisson a fazer uma boa defesa. Aos 28, Flores ficou com um rebote na entrada da área e soltou a bomba. A bola tirou tinta da trave brasileira. Aos 42, Everton foi derrubado por Zambrano e o árbitro apontou para a marca da cal. Na cobrança, Richarlison foi para a bola e marcou o gol do nono título brasileiro na história da Copa América. Na comemoração, o jogador que atua pelo Everton foi comemorar com a torcida brasileira que lotou as arquibancadas do Maracanã.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara