Em alta: índice de insatisfação com governo Bolsonaro chega a 26%

De acordo com levantamento da XP Investimentos, reprovação da nova gestão tem aumentado mês a mês

MARCOS CORRÊA/PR

Metrópoles

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), não tem agradado o eleitorado nos três primeiros meses de governo e enfrenta uma queda na taxa de aprovação, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (5/4) pela XP Investimentos. O índice de insatisfação com a gestão do pesselista ficou em 26% neste mês.

A pesquisa aponta que, em janeiro e fevereiro, o chefe do Executivo tinha aprovação de 40% das pessoas entrevistadas. Já em março, o percentual caiu para 37%. Agora, o índice de satisfação com o governo Bolsonaro ficou em 35%.

Em relação à reprovação do presidente, o índice aumentou de 17%, em fevereiro, para 24%, em março. A insatisfação foi ainda maior no mês de abril, atingindo 26%, indica o relatório.

O levantamento, que aconteceu entre os dias 1º e 3 de abril, mostra, ainda, que 32% das pessoas acreditam que o governo se manteve regular em março e abril. Em todos os casos, a oscilação foi dentro da margem de erro, de 3,2%. Foram ouvidas mil pessoas na pesquisa.

Previdência

Embora a maior parte da população continue a defender a reforma da Previdência, a percepção de que a proposta é necessária oscilou três pontos negativos. Em março, 64% concordavam com a afirmação de que é preciso fazer mudanças nas regras de aposentadoria. Em abril, foram 61%.

Veja a íntegra da pesquisa:


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara