PRIMA DE CAMPOS: PAULO CÂMARA ‘ENXUGA GELO’ E NÃO RESOLVE CRISE NA SEGURANÇA


A vereadora do Recife Marília Arraes (PT), prima do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, criticou o atual chefe do executivo estadual Paulo Câmara por causa dos números alarmantes sobre a violência no estado; depois de citar "12 mil assassinatos em 32 meses da gestão de Paulo Câmara, ela questionou: "e o que o governo faz? Anuncia a formação de 3 mil policiais até março de 2018. Mas não diz que até o final de 2018 outros 4 mil estarão se aposentando. Enxugar gelo não resolve a crise na segurança, governador"

Pernambuco 247 - A vereadora do Recife Marília Arraes (PT), prima do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, criticou o atual chefe do executivo estadual Paulo Câmara por causa dos números alarmantes sobre a violência no estado.

"12 mil assassinatos em 32 meses da gestão de Paulo Câmara. 3.735 homicídios entre janeiro e agosto de 2017. 15,37 é a média diária de assassinatos. 1 policial para cada 503 habitantes. ONU indica 1/450", disse a parlamentar em vídeo divulgado no Facebook.

"E o que o governo faz? Anuncia a formação de 3 mil policiais até março de 2018. Mas não diz que até o final de 2018 outros 4 mil estarão se aposentando. Enxugar gelo não resolve a crise na segurança, governador.

Pernambuco respondeu por 50% do aumento do número de homicídios em nível nacional, no primeiro semestre de 2017. Neste período, o País teve 1,7 mil homicídios a mais do que no mesmo período do ano passado; 913 deles aconteceram no estado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara