Ora, pois, assim diz o Senhor dos Exércitos: Aplicai o vosso coração aos vossos caminhos. Ageu 1.5

O Profeta Ageu viveu no período da reconstrução de Jerusalém que havia sido destruída pelo Império Babilônico, mas nesse período o povo se apegou a reconstruir suas próprias casas, esquecendo-se da casa do Senhor. O profeta adverte: “ É para vós tempo de habitardes nas vossas casas estucadas, e esta casa há de ficar deserta”?  Então ele ordena:  “Aplicai o vosso coração aos vossos caminhos!

Quantas vezes nos ocupamos por demais com coisas que nada ou pouco produzem, e deixamos os negócios da casa de Deus para um segundo plano, e a história sempre se  repete:  Cuidamos demais das nossas coisas e deixamos o Reino de Deus para depois, negligenciando assim uma máxima ensinada por Jesus que diz: “Buscai antes o Reino de Deus e sua justiça e as demais coisas vos serão acrescentadas”. Mt 6.33.

Quando o profeta manda observar o caminho a que estamos a trilhar, ele quer que, simplesmente, analisemos por qual caminho estamos passando, ou  seja, que futuro estamos a construir. Ele deseja que   observemos que , se formos negligentes para com a obra de Deus, teremos muito pouco a colher , nosso futuro, nossas bênçãos e nossas conquistas serão frutos do caminho que escolhemos passar .

O homem pode se afastar de Deus, pode seguir o rumo de seu próprio nariz, pode até nem querer ter uma vida em comunhão com Ele, porém receberá o galardão ou recompensa de seu próprio afastamento. 

Precisamos, mais do que nunca, aplicar o nosso coração ao caminho que estamos a passar e assim, em tempo hábil, corrigir-nos enquanto há tempo. O profeta Isaías adverte: Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. Isaías 55.6.

Evang. Dário G. de Araujo.

Fonte: Biblia de Estudo Pentecostal (CPAD, 1995)

Comentários

Unknown disse…
Sabia palavra que esse desejo haja nos nossos corações no cuidado da casa do Senhor

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

'Chocante é o apoio à tortura de quem furta chocolate', diz advogado que acompanha jovem chicoteado