Opinião - João Doria desponta como uma alternativa viável para as eleições de 2022


O governador de São Paulo João Doria Júnior (PSDB) pode ser uma alternativa viável na corrida eleitoral do ano que vem. O tucano já mostrou que possui capacidade, é competente, tem habilidade, diálogo e poder de liderança, fatores que um gestor moderno precisa reunir para administrar o país Brasil.

João Doria envolveu-se na política quando foi secretário de Turismo na gestão de Mário Covas na cidade de São Paulo, presidiu a Paulistur. Comandou a Embratur no governo do presidente José Sarney e em 2016, foi eleito prefeito de São Paulo, com o apoio do ex-governador Geraldo Alckmin.

Em março de 2018, Doria publicou que estava deixando a prefeitura de São Paulo para se candidatar ao governo do Estado. Foi à luta e no final de outubro do mesmo ano, foi eleito Governador do Estado de São Paulo, derrotando Márcio França, governador em exercício.

Ao liderar o estado de São Paulo com ações enérgicas a pandemia, inclusive dando o ponta pé inicial da vacinação no país, João Doria mostrou que é possível desenvolver uma administração próspera, com participação popular, reduzir o tamanho da máquina pública, arrecadar mais, gerar emprego e renda, como também, fomentar o crescimento da população.

Recentemente, São Paulo foi considerado o estado mais seguro e que possui as menores taxas de homicídio do Brasil, com índices baixos em crimes de mortes de mulheres, negros e jovens, os dados são do Atlas da Violência do IPEA.

De pedra em pedra, o projeto político de João Doria está ganhando espaço e adeptos, uma opção acessível, além da bipolaridade partidária alimentada por Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva. O governador de São Paulo é de longe o melhor quadro do PSDB para concorrer ao cargo de presidente da república em 2022.

O paulistano João Agripino da Costa Doria Júnior é filho do ex-deputado federal João Agripino da Costa Doria Neto, é casado e pai de três filhos. É jornalista, publicitário e empresário, presidente do Grupo Doria. É membro do Conselho Deliberativo do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo. Foi eleito uma das personagens mais influentes do Brasil e do mundo, pela revista Isto É. (Do Blog do Alberes Xavier)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado