Demitido, chefe da comunicação do governo recorre a Bolsonaro, que não o mantém

Atual secretário da comunicação do governo deverá perder o posto na próxima quinta-feira (11)

Por iG Último Segundo

Carolina Antunes/PR
Fábio Wajngarten, chefe da Secretaria de Comunicação

Nesta quarta-feira, o secretário de comunicação do governo federal Fabio Wajngarten voltou de Israel após a missão diplomática no país por parcerias para vacinas e investimentos em remédios contra a Covid-19. De acordo com a coluna de Lauro Jardim, do Globo, ele deixará o cargo na próxima quinta (11).

Wajngarten ocupa o cargo desde 2019, e o almirante Flávio Rocha tomará seu lugar. Rocha já é o chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos.

Leia mais:
Wajngarten tentou, durante a última semana, reverter a decisão do ministro das Comunicações Fábio Faria (PP - RN) de demiti-lo da Secom. A coluna informa que ele se articulou com todos os aliados, entre eles, o próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seus filhos. Não conseguiu.

Wajngarten deverá ocupar a assessoria de imprensa do Planalto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Filho deve substituir Aragão candidato em Santa Cruz