Deputado do PSL é suspeito de usar assessores para reformar casa de família

O deputado estadual Ruy Irigaray (PSL-RS) (Crédito: Divulgação/ ALRS)

Istoé

O deputado estadual Ruy Irigaray (PSL-RS) é suspeito de utilizar assessores de seu gabinete como funcionários particulares, como para reformar a casa de sua sogra e cuidar de suas filhas. As informações são do “Fantástico”, da TV Globo.

A denúncia foi feita ao Ministério Público pela ex-servidora Cristina Nebas, que revelou que os funcionários revezavam no trabalho no gabinete e nos serviços particulares, pagos com dinheiro público. Os salários dos servidores podiam chegar a R$ 9 mil. Cristina também disse que os servidores reformaram uma residência de 400 m², utilizada como escritório do parlamentar, além de fazerem faxina no local.

A ex-servidora disse que levou as filhas do deputado para partidas de beach tênis e aulas de inglês durante seu expediente. O deputado disse que Cristina se ofereceu para realizar as outras atividades e que recebeu a mais pelos serviços. “Inclusive, se eu não me engano, ela ganhava R$ 100 cada vez que ela pegava e levava as meninas, quando a minha esposa fez uma cirurgia”, disse Ruy.

O parlamentar também se defendeu das acusações em suas redes sociais. “Jamais imaginei ser atacado de maneira tão pífia. Tenho um mandato totalmente transparente e não permitirei que façam acusações caluniosas contra a minha pessoa. Todas as medidas cabíveis judicialmente, já foram tomadas”, afirmou o deputado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Filho deve substituir Aragão candidato em Santa Cruz