Caixa reduz horário de funcionamento das agências a partir desta terça; confira

Abertas somente para serviços essenciais, agências atenderão uma hora a menos por dia, passando a fechar às 13h

Por Brasil Econômico

Fenae
Agências da Caixa registraram filas em datas de liberação dos 
saques de auxílio e FGTS emergenciais

A Caixa Econômica Federal informou nesta segunda-feira (17) que reduziu o horário de atendimento de suas agências em todo o Brasil. O novo horário, das 8h às 13h, já começa a valer nesta terça-feira (18) em todo o território nacional.

Leia também
Anteriormente abertas das 8h às 14h, as agências da Caixa passarão a fechar uma hora mais cedo, às 13h, com o mesmo horário de abertura. Por conta da pandemia, estão sendo realizados somente atendimentos a serviços essenciais, como auxílio e FGTS emergenciais .

A Caixa reitera que ninguém precisa madrugar nas filas antes do início do horário, já que todos que chegarem às agências entre 8h e 13h serão atendidos. O banco lembra ainda que os recursos do auxílio emergencial e do FGTS podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa TEM , sem que necessariamente o dinheiro seja sacado em espécie.

No primeiro dia de novo horário das agências da Caixa, está previsto o início dos saques do auxílio para beneficiários do Bolsa Família com Número de Identificação Social (NIS) final 1. No caso do FGTS, já podem sacar até R$ 1.045 em espécie nas agências os trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro.

Segundo a Caixa, o auxílio emergencial já foi pago a 66,2 milhões de brasileiros até esta segunda-feira (17), custando ao todo R$ 156,8 bilhões.

Confira os calendários do auxílio e do FGTS emergenciais

Auxílio para beneficiários do Bolsa Família - quinta parcela:

18 de agosto: Saque liberado nas agências para NIS final 1;
19 de agosto: NIS final 2;
20 de agosto: NIS final 3;
21 de agosto: NIS final 4;
24 de agosto: NIS final 5;
25 de agosto: NIS final 6;
26 de agosto: NIS final 7;
27 de agosto: NIS final 8;
28 de agosto: NIS final 9; e
31 de agosto: NIS final 0.

FGTS emergencial:

Nascidos em janeiro: crédito em 29 de junho, saque em 25 de julho;
Nascidos em fevereiro: crédito em 6 de julho, saque em 8 de agosto;
Nascidos em março: crédito em 13 de julho, saque em 22 de agosto;
Nascidos em abril: crédito em 20 de julho, saque em 5 de setembro;
Nascidos em maio: crédito em 27 de julho, saque em 19 de setembro;
Nascidos em junho: crédito em 3 agosto, saque em 3 de outubro;
Nascidos em julho: crédito em 10 de agosto, saque em 17 de outubro;
Nascidos em agosto: crédito em 24 de agosto, saque em 17 de outubro;
Nascidos em setembro: crédito em 31 de agosto, saque em 31 de outubro;
Nascidos em outubro: crédito em 8 de setembro, saque em 31 de outubro;
Nascidos em novembro: crédito em 14 de setembro, saque em 14 de novembro; e
Nascidos em dezembro: crédito em 21 de setembro, saque em 14 de novembro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Filho deve substituir Aragão candidato em Santa Cruz