Pela 1ª vez, Brasil ultrapassa mais de mil mortes pelo novo coronavírus em 24h

Ao todo foram 17.408 novos casos, país contabiliza mais de 271.628 de casos confirmados; São Paulo, Ceará e Rio de Janeiro lideram o ranking de pessoas com o maior número de infectados 

Sandy Oliveira, O Estado de S.Paulo

Passados quase três meses desde o primeiro caso confirmado de coronavírus no Brasil (em 26 de fevereiro) e pouco mais de dois meses desde que foi registrada a primeira morte em decorrência da doença (17 de março), o Brasil alcançou nesta terça-feira a marca de mil mortes registradas em 24 horas. Também bateu o recorde de casos notificados em um dia. De acordo com o Ministério da Saúde 17.971 pessoas perderam a vida por complicações da covid-19 (foram 1.179 registros nas últimas 24 horas, o maior até agora). 

LEIA TAMBÉM


Coronavírus no Brasil
 Foto: Arte sobre foto de Alissa Eckert, MS; Dan Higgins, MAM/CDC/via REUTERS

No total, oficialmente 271.628 pessoas já foram infectadas. Foram 17.408 novos registros em 24 horas. 

De acordo com o levantamento da Universidade Johns Hopkins, o Brasil também é o 6º na lista de países com mais mortes acumuladas por covid-19, e fica atrás apenas de Estados Unidos (91.570), Reino Unido (35.422), Itália (32.169), França (28.025) e Espanha (27.778).

Entre os Estados mais afetados pela doença, estão São Paulo (65.995 casos, 5.147 óbitos), Ceará (28.112 casos, 1.856 óbitos), Rio de Janeiro (27.805 casos, 3.079 óbitos), Amazonas (22.132 casos, 1.491 óbitos) e Pernambuco (21.142 casos, 1.741 óbitos). 

Conforme ressalta o Ministério da Saúde, os novos registros em 24 horas não indicam efetivamente quantas pessoas faleceram ou se infectaram de um dia para o outro, mas sim o número de registros que tiveram o diagnóstico de coronavírus confirmado nesse intervalo. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

CICLISTAS SANTA-CRUZENSES DE MALAS PRONTAS PARA NOVOS DESAFIOS