Eduardo Bolsonaro culpa a imprensa para justificar “perrengue” da esposa

‘Perrengue’ de Heloísa Bolsonaro com pelo menos R$ 33 mil por mês ‘é deboche’ com brasileiros, diz PSOL. Após repercussão, Eduardo Bolsonaro tentou justificar fala da esposa

Heloísa e Eduardo Bolsonaro

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) tentou explicar em uma sequência de tuítes a declaração de sua esposa, Heloísa Bolsonaro, de que eles passariam ‘perrengue’ com o salário de deputado de Eduardo.

“A gente não fica andando de iate e barco à toa, de jatinho, de primeira classe… a gente passa muito perrengue também. Quando a gente vai pros Estados Unidos, economiza”, contou Heloísa em seu Instagram (vídeo abaixo). O salário de deputado federal é de R$ 33.763,00, fora diversos benefícios, como auxílio-paletó e auxílio-moradia.

Sobre a declaração da esposa, Eduardo Bolsonaro sugere que a renda de Heloísa diminuiu após reportagem da Época que revelou o que ela dizia aos clientes em suas sessões de “coaching”.

“Ela, que já fazia apenas atendimentos virtuais e não mais presenciais por motivos de segurança, após a matéria da Época simplesmente não encontrou mais clima para atender seus clientes, pois sempre pesava sobre si a desconfiança de qualquer deles ser um “jornalista” disfarçado. Ela encerrou suas atividades como coach após aquela matéria porca”, escreveu o filho do presidente.

“Deboche”

O deputado David Miranda (PSOL-RJ) considerou deboche o vídeo publicado pela mulher de Eduardo. Parece deboche com o povo brasileiro”, disse o parlamentar.

Segundo Miranda, estudo recente apontou que metade da população do nosso país vive com míseros R$413,00 por mês. “Enquanto o povo passa fome, Heloísa Bolsonaro acha que ‘passa perrengue’”, criticou o deputado.

Anielle Franco, irmã da ex-vereadora Marielle Franco, foi às redes sociais para comentar a declaração de Heloísa Bolsonaro. “O novo conceito de passar perrengue foi atualizado galera: salário de 33 mil na conta para todos e todas! Me poupeeee migues! O dia q tu pisar na maré ou em qq outra favela e ouvir como sobrevivemos, tu fala sobre perrengue! No mais… shut up! Quanto deboche e falta de senso!”

Salário e benefícios

Atualmente, apenas o salário de um deputado federal é de R$ 33.763, mas os rendimentos chegam a valores muito maiores quando somados todos os benefícios. Além do salário, cada parlamentar ainda recebe mensalmente:

Auxílio moradia: R$ 4.253

Verba mensal para Exercício da Atividade Parlamentar: até R$ 45.612,53

Verba destinada à contratação de pessoal: R$ 106.866,59

Despesas com saúde: os deputados têm atendimento no Departamento Médico da Câmara (Demed) e podem pedir reembolso para despesas médico-hospitalares realizadas fora do Demed. Deputados em exercício do mandato e seus familiares que podem ser incluídos como dependentes no Imposto de Renda têm direito de utilizar o departamento.

Ajuda de custo: no início e no fim do mandato, o parlamentar recebe ajuda de custo equivalente ao valor mensal da remuneração. A ajuda é destinada a compensar as despesas com mudança e transporte e não será paga ao suplente que for reconvocado dentro do mesmo mandato.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

CICLISTAS SANTA-CRUZENSES DE MALAS PRONTAS PARA NOVOS DESAFIOS