"Se não chegar, vamos ter, pela primeira vez, busca e apreensão de documentos na Prefeitura de Santa Cruz". Diz Ernesto sobre documentos para CPI


Em seu discurso na tribuna da Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, nesta quinta-feira, 30 de maio, durante a 17ª Sessão ordinária do primeiro período de 2019, o vereador líder da bancada de oposição, Ernesto Maia (PT), falou sobre a resistência da Prefeitura do município em fornecer os documentos solicitados pelos vereadores que compõem a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga possíveis irregularidades na construção do Calçadão Miguel Arraes de Alencar.
“Para a CPI do Calçadão continuar é necessário que venham os documentos. Estamos há 15 dias sem ter reunião porque a prefeitura não entrega os documentos para que a CPI tenha continuidade. A justiça já deu um prazo que está se findando e que se não chegar vamos ter, pela primeira vez, busca e apreensão de documentos na prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe”, disse Ernesto.
De acordo com o parlamentar, um dos documentos que a equipe da Prefeitura tem se negado a entregar para a CPI e que foi solicitado pelo próprio Ernesto Maia, é a relação dos proprietários de boxes e lojas no Calçadão.

"Misteriosamente a Prefeitura tenta esconder de todas as maneiras quem são os donos de boxes e lojas e isso não é de agora. Nós tivemos na legislatura passada, uma CPI para averiguar a distribuição de lojas e boxes do Calçadão. Presidia esta CPI, o vereador Zé Minhoca, o relator era Luciano Bezerra e durante todo o tempo que esta CPI vigorou nesta casa, a Prefeitura não entregou a documentação pedida", falou.

Ernesto ainda complementou dizendo que naquela época a CPI foi encerrada, mesmo com protestos da bancada de oposição, sem que ninguém nunca soubesse quem realmente são os donos de boxes e lojas, porque a Prefeitura sempre se negou a fornecer a documentação e que muitos destes estabelecimentos estão fechados até hoje no Calçadão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara