Guedes: ajudaremos quem ficou para trás, mas não vagabundos

Em evento nesta terça-feira, o ministro da Economia defendeu a criação da carteira de trabalho verde e amarela, que, segundo ele, permitirá a criação de empregos

Fabrício de Castro e Lorenna Rodrigues
TERRA

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta terça-feira, 9, durante evento em Brasília, que o País está "condenando o jovem ao caminhado errado". "Desde quando faz mal trabalhar?", questionou, ao defender a proposta da carteira de trabalho verde e amarela. A iniciativa privilegia a negociação em detrimento de direitos trabalhistas e, segundo o ministro, vai permitir a criação de milhões de empregos no Brasil.

Foto: Dida Sampaio / Estadão

"Quando lançarmos o novo sistema com encargos baixos, a antiga Previdência vai começar a desonerar a folha e também vai gerar mais empregos", pontuou.

De acordo com Guedes, o melhor programa social para um país é o emprego, que cria autoestima. "Sempre seremos uma nação generosa, sempre ajudaremos quem ficou para atrás", afirmou o ministro. "Mas não ajudaremos os vagabundos, não podemos premiar corrupção e vagabundagem", acrescentou.

Pacto federativo

Ao abordar a proposta de criação de um novo pacto federativo, Guedes disse que a ideia é colocar "dinheiro na base, colocar 65%, 70% do dinheiro". "(Serão) 70% lá embaixo e 30% lá em cima, se muito", comentou o ministro.

Guedes também voltou a dizer que o governo vai adotar um programa de R$ 10 bilhões em socorro aos Estados. O ministrou contou que tem falado a alguns governadores recém-eleitos, de Estados em dificuldades: "Respira no canudinho que está chegando reforço". "O primeiro movimento é um plano de equilíbrio econômico para Estados, que é de curto prazo", disse.

Guedes participou nesta terça-feira da XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, conhecida como Marcha dos Prefeitos. Pela manhã, estiveram presentes ao evento o presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara, deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara