Eduardo Bolsonaro sobre Lula ir a enterro: “Absurdo cogitar isso”

Para o deputado federal, ex-presidente é “preso comum” e possível decisão favorável só o deixaria “posando de coitado”

Foto: ZECA RIBEIRO/CÂMARA DOS DEPUTADOS

Metrópoles

O deputado federal e filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL), Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), demonstrou indignação com a possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deixar a prisão para comparecer ao enterro de seu neto. Aos sete anos, Arthur Araújo Lula da Silva faleceu, vítima de meningite. A defesa do petista pediu autorização da Justiça para que Lula vá ao velório.

Demonstrando total aversão à possibilidade, Eduardo disse que uma decisão favorável ao petista “deixa o larápio em voga posando de coitado”. “Absurdo até se cogitar isso”, disse, por meio de seu perfil no Twitter..



Infelizmente, o neto do Lula, de apenas 7 anos, faleceu há pouco. O tema divide opiniões na direita, o que vocês pensam sobre o assunto, mesmo com todos os riscos que envolvem inclusive os agentes da PF, o criminoso deve ser liberado para o velório? Justifique nos comentários.
Lula é preso comum e deveria estar num presídio comum.
Quando o parente de outro preso morrer ele também será escoltado pela PF para o enterro? Absurdo até se cogitar isso, só deixa o larápio em voga posando de coitado.


1,700 people are talking about this

Para embasar sua posição, Eduardo Bolsonaro afirmou que “Lula é preso comum” e, por isso, “deveria estar num presídio comum”. “Quando o parente de outro preso morrer ele também será escoltado pela PF para o enterro?”, questionou o deputado.

Os advogados do ex-presidente pediram para que ele pudesse sair e acompanhar o enterro, como é previsto no artigo 120 da Lei de Execução Penal. A Justiça ainda não tomou uma decisão.

Falecimento

Na tarde desta sexta-feira (1º/2), a presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PT) anunciou a morte de um dos netos de Lula, Arthur. Ele chegou debilitado e com febre alta ao Hospital Bartira, da rede D’Or, em Santo André, no ABC paulista, mas o quadro se agravou e ele não resistiu. O sepultamento ocorrerá em Santo André, no ABC Paulista, no sábado (2).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara