GEO CALDAS DIZ QUE TEM A SOLUÇÃO PARA O PROBLEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM SURUBIM

GEO CALDAS EM VISITA AO AÇUDE EPITÁCIO PESSOA, EM BOQUEIRÃO/PB

O comunicador Geo Caldas defende a ideia de integração da Bacia do Rio Amazonas com o semi-árido nordestino. A Bacia hidrográfica do Rio Amazonas tem 7.500.000 Km quadrados e é a maior do planeta. Essa transposição traria perenização de rios, enchimento de barragens, irrigação de 24 milhões de hectares, serviria para o consumo industrial, humano e animal, além de recreação. 

Enquanto este projeto de acabar de uma vez por todas com a crise hídrica no nordeste não é posto em prática o que temos para o momento são as águas de transposição do Rio São Francisco, projeto este que se arrasta há 9 anos e apenas uma pequena parte da população nordestina está sendo beneficiada.

O Estado da Paraíba, através do Eixo Leste da Transposição do São Francisco, conseguiu dinamizar o processo de distribuição de águas através da perenização do Rio Paraíba e vemos hoje mais de 30 cidades beneficiadas, entre elas Campina Grande, a principal cidade do interior paraibano.

Pensando nisso e com o exemplo da Paraíba, Geo Caldas luta para que os Rios Capibaribe e Ipojuca, no estado de Pernambuco, também sejam perenizados e minimizem os efeitos da seca, principalmente no agreste, área mais afetada pela estiagem.

Na próxima segunda-feira, dia 02, Geo Caldas anunciará um projeto, que segundo ele, solucionará a curto prazo o problema de abastecimento de água da cidade de Surubim.

Geo Caldas, conhecido como o Ministro das Águas, fala com o entusiasmo, que lhe é peculiar, desta nova ideia e mostrará sua viabilidade. 

Vamos aguardar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara