Flordelis passa a primeira noite com tornozeleira eletrônica

Deputada colocou o dispositivo de monitoramento na última quinta-feira (8)

Por iG Último Segundo

Fernando Frazão/Agência Brasil
A deputada é acusada e ter participado da morte de seu marido, pastor Anderson do Carmo

A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) colocou a tornozeleira eletrônica na última quinta-feira (8) e passou a primeira noite monitorada pelo dispositivo em sua casa, na Região Oceânica de Niterói. A deputada compareceu na sede Secretaria de Administração Penitenciária (Seap-RJ) em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, para instalar o equipamento.

Leia também
Flordelis foi intimida na noite de terça-feira (6) para colocar o dispositivo. Na tarde de ontem, ela chegou ao Seap por volta das 15 h e levou 10 minutos para realizar o processo de instalação. A deputada é acusada de ser a mandante do assassinato do marido , o pastor Anderson do Carmo, executado a tiros em 2018. Sete filhos e a neta da deputada respondem pelo crime e a maioria está em prisão preventiva. Flordelis nega as acusações.

A deputada só colocou a tornozeleira eletrônica, ao invés de ser presa, porque possui imunidade parlamentar . Porém, tramita em Brasília um processo contra ela por quebra de decoro e que pode destituí-la do mandato.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

CICLISTAS SANTA-CRUZENSES DE MALAS PRONTAS PARA NOVOS DESAFIOS