Vereadores da base do prefeito Edson Vieira se negam a votar e suplementação para a saúde é reprovada na Câmara

Atitude prejudicará os serviços 
de saúde do município


A gestão municipal de Santa Cruz do Capibaribe está passando por momentos difíceis. Após a reprovação, nesta terça-feira (30), do projeto de suplementação enviado à Câmara de Vereadores solicitando o remanejamento de recursos de algumas áreas para serem investidos em outras.

Com sete votos contrários, seis abstenções e três votos favoráveis, o Projeto de Lei 010/2019, do Poder Executivo, que precisava de nove votos para aprovação, acabou sendo reprovado. O projeto tinha votos suficientes para ser aprovado, porém os vereadores da base do prefeito Edson Vieira se negaram a aprovar a matéria.

O PL recebeu uma emenda que alterando em alguns pontos o remanejamento, sem prejudicar os serviços de saúde. Mas a bancada do prefeito se negou a aprovar, justificando que só votariam o projeto em sua totalidade, da forma como o prefeito queria. A emenda apresentada pelos vereadores de oposição visava também não permitir que o prefeito retirasse recursos de áreas indispensáveis como aquisição de transporte escolar.

Confira o vídeo onde se conquista os votos necessários para aprovação, mas a bancada do prefeito resolve não votar, levando a matéria a ser rejeitada.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PROFESSORA INDIGNADA ESCREVE AO BLOG DO JAIRO GOMES