Raul Henry atribui o atraso nas reformas necessárias para o crescimento do país à falta de liderança de Bolsonaro


Direto de Brasília - “A minha expectativa é que o Brasil possa fazer o dever de casa, é um país que tem tudo para dar certo mais precisa tomar algumas medidas importantes”, falou o presidente estadual do MDB, Raul Henry, durante entrevista ao Programa Cidade em Foco da Rede Pernambuco de Rádios. “Eu não sei se o ambiente que estamos tendo hoje nos permite ter a paz, racionalidade, e a lucidez para fazer as reformas de maneira equilibrada”, pontuou o deputado.

O deputado atribui o atraso no avanço das reformas necessárias para o país como “falta de liderança do Presidente da República”. “Depois da reforma da Previdência, ele (Bolsonaro) esqueceu o restante da pauta, da economia, de abrir o país para a atração dos investimentos e foi para o confronto ideológico, e o pior, o confronto com as instituições democráticas. Então se perdeu o resto da agenda estruturante deste momento”, relatou Henry ao Blog do Alberes Xavier.

Raul assegura que ainda não é tempo para discussões sobre o pleito de 2022. “Acho muito cedo para discutir as eleições agora”, frisou. Ele afirmou que espera para quando a definição das regras, após a reforma política estiverem asseguradas, para poder se posicionar. “As alianças se definem no ano das eleições”, concluiu.

Henry elogiou a conduta do governador Paulo Câmara (PSB), na tomada de decisões diante da pandemia do coronavírus. “Ele acertou nas políticas que eram as que estavam sendo recomendadas pela comunidade internacional”, frisou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado