Moraes vai julgar "chuva de dinheiro" em eleição municipal


Caso envolve prefeito e vice de Joaquim Nabuco (PE). Antônio Raimundo Barreto Neto e Eraldo de Melo Veloso distribuíram dinheiro após eleição

Reprodução

O ministro Alexandre de Moraes vai decidir em breve, no TSE, o destino do prefeito e do vice-prefeito de Joaquim Nabuco (PE), Antônio Raimundo Barreto Neto e Eraldo de Melo Veloso, respectivamente.

Eles prometeram distribuir dinheiro à população, caso ganhassem as eleições e, para espanto geral, cumpriram a promessa.

Na comemoração da vitória, Veloso jogou cédulas de reais pela varanda de sua casa e o ato foi gravado em vídeo.

Os políticos tiveram os registros de candidatura cassados por compra de votos e abuso de poder econômico, mas permanecem no cargo aguardando julgamento final do TSE. A Procuradoria-Geral Eleitoral já emitiu parecer e o caso está pronto para ser julgado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado