Entre a fé e a ciência, por Dário Gomes*

A Ciência e a Fé

Antes de Isaías deixar o pátio intermediário, a palavra do Senhor veio a ele: "Vol­te e diga a Ezequias, líder do meu povo”: Assim diz o Senhor, Deus de Davi, seu predecessor:  'Ouvi sua oração e vi suas lágrimas; eu o curarei. Daqui a três dias você subirá ao templo do Senhor. Acrescentarei quinze anos à sua vida. E livrarei você e esta cidade das mãos do rei da Assíria. Defenderei esta cidade por causa de mim mesmo e do meu servo Davi'.. Então disse Isaías: "Preparem um emplastro de figos". Eles o fizeram e o aplicaram na úlcera; e ele se recuperou”.     II Reis 20. 4-7. 

Imagem da internet (expositorcristao.com.br)

O profeta Isaías foi orientado por Deus, quando da cura do Rei Ezequias, ao levar a Palavra de vida acerca de sua enfermidade. Ezequias estava por morrer, havia-lhe surgido uma ferida mortal e a palavra que recebera , do profeta, era de morte, porém ele roga ao dono da vida e Este ordena ao profeta que dissesse ao Rei que estaria lhe concedendo mais  15 anos de  vida, Isaías assim o fez, porém havia um problema que ainda não havia sido solucionado: a ferida ou úlcera, que foi a causa maior que estava  levando o rei à morte . Daí vem a seguinte pergunta: O Deus que repreendeu a morte não poderia curar a ferida? Obviamente que sim, porém Deus deu ciência  e entendimento ao homem e através do profeta orientou aos médicos sobre qual medicamento deveriam aplicar sobre a  ferida afim de que esta fosse sanada. Então, o profeta Isaías por orientação divina,  recomenda aos médicos que aplicassem um "emplasto de pasta de  folhas de figos" sobre a ferida, podemos observar que o profeta não as coloca, porém orienta aos médicos que assim o fizessem, e assim fazendo, a ferida sarou. Deus ordena e repreende a morte, mas sobre a chaga Deus dá ciência ao homem para  se utilizar de plantas medicinais, lembrando que a bíblia fala de árvores cujas folhas servem para curar as nações: Ez. 47.12, Ap 22.2.

        O próprio Senhor Jesus fez menção da medicina e o fez com louvor, Ele afirma que os que estão sãos não necessitam de médicos , mas sim os que estão enfermos, dando-nos a entender que, nem Deus,  tampouco sua Palavra condena a ciência, pelo contrário, elas dão total e irrestrito apoio às ciências porque, além de ser o autor e consumador da vida, Deus é , por excelência, o Pai de todas as ciências.

          Através de seus ensinos, Jesus falou ou usos de diversas ciências, tais como:

1.       Administração – LC 14. 28-32.

2.       Economia – Jo 6. 12-13.

3.       Psicologia – Mt. 6.25.

4.       Meteorologia – Ct 2.10-13, Lc 12.54,55.

5.       Botânica -  Sl 1.3,  Mt 24.32, Jr 17.8.

6.       Química – Mt 5.13.

7.       Engenharia Civil – Mt 7.24.

        Dentre as ciências descritas nas escrituras poderíamos citar dezenas de outras , porém as aqui apresentadas, como exemplo,  são tão somente uma síntese para mostrar quão ampla é a relação entre a ciência e a fé e pesquisar sobre esse tema é adentrar num universo muito mais amplo e infinito, pois é a  verdadeira relação entre a vida e o seu significado.

 *Dário Gomes de Araujo é Evangelista e atualmente serve como gestor nas Assembleias de Deus em São José do Egito -PE.

Comentários

Unknown disse…
Muito boa a matéria, Deus continue lhe abençoando pastor Dario.

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Filho deve substituir Aragão candidato em Santa Cruz