Seis projetos são aprovados na Câmara de Vereadores de Santa Cruz

Entre as matérias aprovadas está o projeto que prevê a criação de políticas públicas de valorização à mulher e combate ao machismo nas escolas


Na Sessão Plenária desta quinta-feira (21), a Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe discutiu e aprovou matérias importantes para o município. 17 projetos foram discutidos pelos vereadores, destes, 06 já estão aprovados pela Casa Dr. José Vieira de Araújo e seguem para sanção do Poder Executivo.

De autoria do vereador Deomedes Brito (PT), o Projeto de Lei 140/2018 dispõe sobre a obrigatoriedade da carteira de vacinação para matrícula de alunos na rede pública municipal de ensino. De acordo com Deomedes, a iniciativa diminuirá a possibilidade de epidemias no âmbito escolar e garantirá o aumento no número de crianças com as vacinas em dias.

"Esse projeto incentiva a apresentação da carteira de vacinação. Temos muitas doenças voltando para o país e não podemos deixar isso seguir acontecendo. A apresentação da carteira é importante para ter o controle da saúde das crianças", disse o vereador.

Também foi aprovado o Projeto de Lei 163/2018, de autoria do vereador Augusto Maia (Podemos). O projeto estabelece diretrizes para ações voltadas para valorização à mulher e de combate ao machismo nas escolas municipais. Para o vereador, o tema precisa ser discutido nas escolas para que seja refletido em toda a sociedade.

"Esse projeto pede uma integração maior do Poder Executivo para que se possa haver debates, trazer para escolas e fazer todo esse diálogo com os alunos. Nas escolas estão o nosso futuro e a gente precisa tornar essa igualdade entre homens e mulheres mais presente", ressaltou o autor.

Na mesma Sessão Plenária também foram aprovados os projetos:

Projeto de Lei 173/2018 - Cria a Medalha Bruno Rafael e Júlio César - Destaques do Ano no Motocross, em Santa Cruz do Capibaribe. Autor: Marlos da Cohab (Podemos);

Projeto de Lei 178/2018 - Dispõe sobre a garantia de matrícula de irmãos na mesma unidade escolar da rede pública municipal, quando disponíveis os níveis educacionais adequados. Autor: Carlinhos da Cohab (PTB);

Projeto de Lei 193/2018 - Dispõe sobre o registro do tipo sanguíneo e Fator RH nos cadastros escolares. Autor: Carlinhos da Cohab;

Projeto de Lei 201/2018 - Institui o Dia Municipal do Capoeirista, a ser comemorado no dia 3 de agosto. Autor: Carlinhos da Cohab.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara