Já está no ar a 14ª edição da revista Gestão Pública PE

Entre os destaques deste número estão uma entrevista com o consultor, arquiteto e urbanista Francisco Cunha e um artigo sobre o programa Pernambucoders

Um modelo urbano que valorize mais o pedestre e menos o transporte motorizado individual. É o que defende o consultor, arquiteto e urbanista Francisco Cunha em entrevista à Gestão Pública PE, publicação da Secretaria de Planejamento e Gestão de Pernambuco (Seplag). A 14ª edição da revista, que acaba de ser disponibilizada, também traz entre seus destaques um artigo sobre o programa Pernambucoders. Em dois anos, mais de dois mil estudantes da rede estadual serão atendidos com a instalação de clubes de programação através dessa iniciativa inovadora.

Na seção Boas práticas, a questão do bem-estar relacionado ao serviço público é abordada em um artigo sobre programas de benefícios em instituições públicas. São referenciadas iniciativas importantes implantadas, por exemplo, nos municípios do Recife e de Boa Vista (RR), nos estados da Bahia e de Pernambuco. Experiências que perpassam por treinamentos, prêmios, valorização pessoal, boa convivência no ambiente de trabalho e reconhecimento do servidor público, desenvolvidas para manter servidores motivados e dispostos a alcançar os objetivos e metas da organização.

Na seção Estratégia, a publicação traz uma reflexão sobre a importância da gestão da comunicação nas assessorias de imprensa governamentais. Tal como em uma empresa privada, o papel do assessor de imprensa em organizações governamentais é “vender” bem as ações e a imagem de seus assessorados, tanto para o público externo quanto interno. O artigo defende que o assessor de imprensa precisa ser, antes de tudo, um gestor de perfil dinâmico e com amplo domínio sobre metodologias de trabalho e instrumentos de avaliação, que saiba planejar e administrar custos.

A nova edição também aborda assuntos como o Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv), na seção Conta certa; as parcerias da Agência Condepe/Fidem com os municípios pernambucanos (Especial); e a prática do job rotation (Capital humano). Proporciona, ainda, um interessante debate sobre o papel da universidade na gestão pública. A revista Gestão Pública PE pode ser acessada através do endereço https://goo.gl/1HSfuW.

DO SULANCA NEWS: ACORDA, FERNANDO!


Por Marcondes Moreno

O ex-vereador de Santa Cruz do Capibaribe Fernando Aragão precisa acordar para sua vida política, e perceber que esperar mudanças no grupo a partir da iniciativa do ex-líder politico Zé Augusto Maia, é enxugar gelo.

“O cavalo está passando selado para Fernando ser candidato a deputado estadual”, disse a este blogueiro uma figura política do grupo.

Nos bastidores da política local, sabe-se que Fernando Aragão tem um compromisso com Zé Augusto Maia para estadual em 2018, mas sabe-se também de que o mesmo não será o candidato, e indicará de ultima hora outro nome. Muitos políticos do grupo derrotado em 2016 fecham com Zé Augusto Maia, mas não aceitam a indicação de outro para a disputa.

Como já escrevi antes, uma sigla e o devido apoio, já estão à disposição de Fernando Aragão, que teima em esperar por quem não vem.

Acorda, Fernando Aragão!

CRISE VAI SE APROFUNDAR SE PSDB CONTINUAR A APOIAR GOVERNO QUE ACABOU, DIZ DEPUTADO TUCANO


Deputado federal Daniel Coelho (PSDB-PE) defendeu a saída do partido da base aliada do governo Michel Temer. A situação é muito grave. O presidente tem perdido governabilidade, e já havia dificuldades. As questões éticas e a falta de apoio político ao governo com certeza comprometem a possibilidade de reformas mais profundas, e é por isso que boa parte da bancada do PSDB hoje defende que o partido atue de forma independente, entregando os cargos no governo, mas sem deixar de votar as matérias de interesse do país e sem querer buscar o quanto pior melhor", disse; Para o parlamentar, "a crise se aprofunda se nós continuarmos a render e dar força a um governo que acabou"

Pernambuco 247 - Deputado federal Daniel Coelho (PSDB-PE), um dos principais expoentes do chamado grupo dos "cabeças pretas", como é conhecida a ala mais jovem da legenda tucana, defendeu a saída do partido da base aliada do governo Michel Temer. A situação é muito grave. O presidente tem perdido governabilidade, e já havia dificuldades. As questões éticas e a falta de apoio político ao governo com certeza comprometem a possibilidade de reformas mais profundas, e é por isso que boa parte da bancada do PSDB hoje defende que o partido atue de forma independente, entregando os cargos no governo, mas sem deixar de votar as matérias de interesse do país e sem querer buscar o quanto pior melhor", disse o parlamentar em entrevista ao jornal O Globo.

Segundo ele, o desejo para que o PSDB desembarque o quanto antes do governo Temer não está restrito a ala mais jovem da legenda. "Não está restrito aos jovens coisa alguma. Temos deputados de muitos mandatos, e acho que é uma simplificação essa coisa de jovem ou de cabeça preta. Temos pessoas muito experientes com essa posição. Ela é majoritária nos jovens, mas presente em diversos grupos do partido", afirmou.

Para o parlamentar, "a crise se aprofunda se nós continuarmos a render e dar força a um governo que acabou, que dificilmente conseguirá votar pautas importantes como a reforma da Previdência e já tem dificuldade em concluir a reforma trabalhista. A tendência é que novos escândalos continuem a aparecer, porque o formato e o modelo que o governo está montado tendem a trazer novas instabilidades e novos escândalos. Quanto mais rápido a gente conseguir virar a página e eleger um novo presidente, mais rápido a gente pode estabelecer estabilidade política e manter a pauta econômica", avaliou.

Apesar disso, ele observa que "mudar a Constituição, evidentemente, é um casuísmo" de maneira a permitir a realização de eleições diretas.

CUT/VOX: 85% QUEREM CASSAÇÃO DE TEMER E 89% DEFENDEM DIRETAS JÁ


Pesquisa Vox Populi, contratada pela CUT, confirma: Michel Temer conseguiu unir o Brasil contra ele; segundo o levantamento, 85% dos brasileiros querem que o Tribunal Superior Eleitoral casse Temer na sessão que ocorrerá nesta terça-feira 6 e 89% querem escolher o novo presidente da República; a pesquisa aponta ainda que 75% dos brasileiros avaliam negativamente o desempenho de Temer como presidente; para 20%, ele é regular e para apenas 3%, positivo; 73% dos entrevistados acreditam que o Brasil vai piorar com Temer no poder (em abril o percentual era de 61%) e 17% acham que vai ficar como está

247 - Pesquisa Vox Populi, contratada pela CUT, confirma: Michel Temer conseguiu unir o Brasil contra ele. Segundo o levantamento, divulgado nesta segunda-feira 5, 85% dos brasileiros querem que o Tribunal Superior Eleitoral casse Temer na sessão que ocorrerá nesta terça-feira 6 e 89% querem escolher o novo presidente da República. Confira abaixo o texto divulgado pela CUT com os detalhes da pesquisa:

CUT/VOX: Cassação de Temer e Diretas Já! unem o Brasil

85% dos brasileiros querem que o TSE casse Temer e 89% querem escolher novo presidente

Pesquisa CUT-Vox Populi mostra que a insatisfação com o ilegítimo presidente Michel Temer (PMDB) e sua agenda de retirada de direitos sociais, previdenciários e trabalhistas é enorme e se traduz nos números da rejeição ao peemedebista e também dos que querem a sua cassação e eleições diretas para eleger o novo presidente.

Aumentou para 85% o total de brasileiros que querem que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) casse Temer por irregularidades cometidas durante a campanha presidencial dele e de Dilma Rousseff, mostra pesquisa CUT/Vox Populi, realizada entre os dias 2 e 4 de junho. Apenas 8% são contrários à cassação. O TSE inicia nesta terça-feira (6) o julgamento da chapa Dilma-Temer, que pode decidir pela cassação.

Em caso de cassação ou renúncia, 89% querem eleições diretas para substituir o ilegítimo Temer.

Para o presidente da CUT, Vagner Freitas, os brasileiros querem eleger um novo presidente de forma democrática, via voto popular, com amplo debate sobre as propostas dos candidatos.

"Ninguém quer mais um golpe que coloque na presidência da República outro subordinado ao mercado".

"Além da tragédia do desemprego que está batendo à porta de mais de 14,5 milhões e meio de brasileiros, com os golpistas, seja Temer ou outro que ocupe seu lugar pelo voto indireto, corremos o risco de perder a aposentadoria, a CLT e programas sociais de combate a fome e a miséria", conclui Vagner.

Só 3% aprovam Temer

A avaliação negativa de Temer é unânime em todas as regiões do Brasil independentemente da classe social, idade e gênero, comprova pesquisa CUT/Vox realizada em 118 municípios do Brasil de todos os Estados e do Distrito Federal, em capitais, regiões metropolitanas e no interior.

Segundo a pesquisa, 75% dos brasileiros avaliam negativamente o desempenho de Temer como presidente. Para 20%, ele é regular e para apenas 3%, positivo. No Nordeste, o desempenho negativo atinge 83%, no Centro Oeste/Norte 74%, no Sudeste 73% e no Sul 68%.

Os mais críticos são os jovens: 77% consideram o desempenho de Temer negativo. Entre os adultos o percentual é de 76% e entre as pessoas com mais de 50 anos, 69%. Tanto homens (73%) quanto mulheres (77%) avaliam muito mal Temer. Entre as pessoas com renda de até 2 salários mínimos, a avaliação ruim sobe para 79%; entre os que ganham de 2 a 5 SM é de 75%, e mais de 5 SM 68%.

Com Temer, aumenta pessimismo e medo do futuro

Os brasileiros estão insatisfeitos com a vida que levam e mais pessimistas com relação ao futuro do País. 73% acreditam que o Brasil vai piorar com Temer (em abril o percentual era de 61%), 17% acham que vai ficar como está. Só 7% acham que o país vai melhorar.

Em relação à vida que levam hoje, 49% dos entrevistados estão insatisfeitos e 51% estão satisfeitos. Já com relação às perspectivas para 2017, apenas 33% acham que a vida vai melhorar; 34% acham que nem vai melhorar nem piorar; 23% acham que vai piorar; e, 10% não sabem ou não responderam.

Nem o bombardeio da grande mídia foi capaz de aumentar a esperança do povo com relação ao que pode acontecer de bom com Temer. Mesmo com todos os comentários e matérias falando da queda da inflação, 62% dos entrevistados acham que o custo de vida vai aumentar e 68% esperam mais aumento de desemprego nos próximos meses.

Na Assembleia, Silvio propõe criação de comissão especial para acompanhar ações contra enchentes



O deputado Silvio Costa Filho (PRB) apresentou, nesta segunda-feira (5), em nome da Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), requerimento para criação de uma comissão especial suprapartidária para acompanhar as ações de Operação Reconstrução, de 2010, e as novas propostas para a prevenção de enchentes na Zona da Mata Sul e no Agreste Pernambucano. A ideia é que a comissão seja composta por cinco membros titulares e cinco suplentes, com duração de 90 dias, prorrogáveis por igual período.

A comissão terá o papel de, a partir de visitas técnicas às cidades atingidas e às obras prometidas, realizar um diagnóstico das necessidades da população, identificar os problemas e a situação dos projetos e acompanhar as ações do governo do Estado na região. “É fundamental que o Poder Legislativo possa acompanhar as iniciativas para amenizar os prejuízos causados pelas chuvas e as iniciativas para prevenir que novas enchentes, como as de 2010 e deste ano, voltem a atingir a região. “Antes de tudo precisamos amenizar a dor das famílias afetadas pelas enchentes. Mas também é necessário destravar as obras para que novas tragédias não voltem a acontecer”, destacou.

Silvio destaca, entre as obras prometidas desde 2010, o cinturão de barragens de contenção da Mata Sul, ainda não concluído. “Do sistema de prevenção de enchentes, que previa a construção de cinco barragens, quatro não saíram do papel. O governo do Estado alega falta de repasses federais e a União destaca falhas técnicas. Precisamos identificar o que de fato aconteceu e o que é necessário para entregar essas obras aos pernambucanos”, reforçou.

Além da criação da comissão especial, a Bancada de Oposição, vai encaminhar nos próximos dias um ofício, solicitando que as emendas parlamentares de 2016 que ainda não foram executadas sejam revertidas para as vítimas das enchentes. A estimativa da bancada é que seja disponibilizado, com essa medida, um montante de R$ 12 milhões para a população da Mata Sul.

Danilo Cabral visita obras de Siriji



Na manhã desta segunda-feira (5), o deputado federal Danilo Cabral visitou as obras de interligação entre os sistemas Siriji e Palmeirinha (Pedra Fina) no município de Vicência. A expectativa, segundo informações da Compesa, é de que os testes tenham início nesta semana e, se não houver falhas, a nova adutora estará em funcionamento em cerca de dez dias. Com um investimento de R$ 34 milhões, foram instalados 37 quilômetros de tubulação para levar água da Mata Norte para municípios do Agreste Setentrional, que enfrentam uma forte seca há sete anos, beneficiando 150 mil pessoas.

“Essa obra é um compromisso do governador Paulo Câmara de melhorar o abastecimento d’água da região. Desde que a Barragem de Jucazinho entrou em colapso, o governo do estado, em parceria com o governo federal, tem procurado alternativas para fazer o abastecimento do Agreste Setentrional, minimizando os efeitos da estiagem”, afirmou Danilo Cabral. O deputado explica que a intervenção foi realizada em duas etapas. A primeira, concluída no ano passado, foi a religação de Pedra Fina com Surubim e esta segunda – a interligação entre Siriji e Pedra Fina – será inaugurada neste mês.



Danilo Cabral esteve na Estação Elevatória da Compesa em Vicência, situada no trevo de acesso ao município de Machados e ao Distrito de Siriji. No local, operários finalizavam a concretagem da tubulação. Em seguida, o parlamentar seguiu para a comunidade de Murupé, onde está localizada a Barragem de Siriji. A represa atingiu 100% de sua capacidade, armazenando 17 milhões de metros cúbicos de água. A Compesa irá captar 150 litros de água por segundo. Serão beneficiados os seguintes municípios: Surubim, Bom Jardim, João Alfredo, Casinhas, Santa Maria do Cambucá, Vertentes, Frei Miguelinho e Vertente do Lério.

“É prioridade do governo Paulo Câmara garantir a segurança hídrica em todo o estado, interligando bacias importantes, como fez com Pirangi, levando água da Mata Sul para a região de Caruaru, e agora com Siriji”, disse o deputado. Danilo Cabral também destacou que o governo do estado atua fortemente no atendimento à população vítima das enchentes na Mata Sul. 

Fotos: Divulgação

Começa nesta segunda-feira (05) recadastramento para comerciantes do São João da Moda

As inscrições de recadastramento para quem deseja comercializar na edição deste ano no São João da Moda começam a ser realizadas nesta segunda-feira (5) e segue até o dia 9 de junho, mas para quem irá se cadastrar pela primeira vez deve aguardar até a próxima semana, entre os dias 12 a 16.

As inscrições estão sendo realizadas no escritório do São João, que fica na Avenida 29 de Dezembro, nº 9. Os interessados no recadastramento deverão comparecer ao local com documentação, onde receberão o boleto para pagamentos das taxas e o recebimento da identificação de autorização.

Uma novidade este ano será a implantação de um polo gastronômico a pedido da população. “Estaremos com um polo gastronômico que ficará centralizado no Arraial do Povão, será um opção a mais para quem irá aos festejos e também será mais uma opção de geração de emprego e renda à população”, explica o Gestor de Turismo e Lazer, Claudio Soares.

A quem se interessar por comercializar na área gastronômica também deve realizar o cadastramento no escritório do São João e ter em mãos o documento de identidade (RG), CPF, comprovante de residência e título de eleitor.

DeVry|UNIFAVIP recebe evento de moda com parceria do SEBRAE e SENAI.

O Sebrae e Senai em parceria com o DeVry|Unifavip realiza o Inova Moda – Inverno 2018, o evento tem como proposta aproximar o mercado acadêmico com público-alvo de alunos, profissionais e empresários do setor. Com o tema Utopias, o evento conta com palestra do designer e gestor do Inova Moda em Pernambuco, Cleber Lima. O Inova acontece nesta quarta-feira, dia 7, a partir das 19h, no DeVry|Unifavip.

O encontro pretende discutir soluções estratégicas e inteligentes, sobre o posicionamento do mercado da moda, desenvolvimento de produtos com relação a todo o momento atual do consumo com temas relevantes sobre tecnologia, comportamento, negócios e design. Será colocado em pauta também como as empresas podem se tornar competitivas, e principalmente levar em conta o ponto de vista de vista do designer e do mercado de criação, pois é necessário não só vender o produto, mas agregar a percepção criativa, a expressão, o ponto de vista do proprietário e do seu público e não só vender o produto por produto.

Com o foco em apresentar as tendências de moda para os micro e pequenos empresários da região, o palestrante Cléber Lima, afirma que é de fundamental juntar o mercado com os universitários, pois há uma demanda crescente sobre a profissionalização das ações e do ambiente de trabalho, que podem ser desenvolvidas com uma visão mais racional e profissional. O designer ainda complementou que encontros como esses formam uma rede de interessados, possíveis trocas de informações e experiências que todos saem ganhando, “Uma oportunidade que todos os interessados possam pensar juntos o que é melhor para o cenário local da moda com base no futuro próximo”, finaliza. 

O Inova Moda Inverno 2018 é gratuito e acontece na biblioteca do Devry|Unifavip, localizada na Rua Adjar da Silva Casé, 800 - Indianópolis, Caruaru no dia 07 de Junho das 19h às 21h. As inscrições são feitas através do link: http://bit.ly/2se3vpY. Mais informações: 3705 1767.

UMA SEMANA DECISIVA PARA EVILÁSIO ARAÚJO, EX-PREFEITO DE TAQUARITINGA DO NORTE

Na sexta feira,  dia 09, o ex-prefeito José Evilásio Araújo, de Taquaritinga do Norte, terá suas contas referentes ao ano de 2012 julgadas pela Câmara de Vereadores.

Um parecer do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco pede a rejeição das mesmas, por diversos motivos, entre eles, gastos com pessoal acima do permitido, contrariando a Lei de Responsabilidade Fiscal, e não recolhimento do INSS descontado em folha dos funcionários, CONFORME consta nos autos (reiterada ausência de recolhimento de parte das contribuições previdenciárias devidas ao Regime Geral de Previdência Social – RGPS, totalizando o montante de R$ 1.532.244,91, no exercício de 2012, afrontando-se a Constituição da República (artigos 37, 40, 195 e 201) e a Lei Federal nº 8.212/91, em seus artigos 12, 20, 22 e 30).

Para que reverta o que pede o TCE o ex-prefeito precisa de oito votos dos onze possíveis na Casa de Miguel Lucas de Araújo.  Conseguir esses votos será tarefa hercúlea.

A bancada de Oposição tem quatro votos que já seriam suficientes para a desaprovação das contas. A esses quatro votos devem-se somar mais dois, pois os situacionistas que ora presidem a Câmara demonstram disposição de acompanhar o parecer do Tribunal.

Os cinco votos restantes não são suficientes para livrar Evilásio Araújo.

Em sua defesa o ex prefeito alega que não se beneficiou do erário e em programa de rádio chegou a dizer que poderia estar sofrendo perseguição por ser pobre e preto.

Evilásio,  igual a tantos outros gestores,  teve erros e acertos em sua administração e foi julgado por isso pelo povo. Foi reeleito em 2012 e fez seu sucessor em 2016.

Hoje faz parte da administração da Dália da Serra. Lero fez dele secretário de gestão.

Mas isso não é suficiente para Evilásio livrar-se de pagar pelos erros cometidos e que são observados pelos Tribunais de Controle de Gastos Públicos.

Cabe ao ex prefeito usar de toda sua loquacidade para convencer os edis de sua inocência e o tempo para isso chegou em sua reta final.

O jogo começou,  façam suas apostas.

Ibope divulga nova pesquisa para o 2º turno da eleição presidencial

Foram divulgados os números da nova pesquisa Ibope sobre a disputa do 2º turno da eleição presidencial entre Fernando Haddad e Jair Bolsona...

POSTAGENS MAIS ACESSADAS