APROVADO SÓ POR 3%, TEMER CHEGA AOS 77 ANOS NO FUNDO DO POÇO


Com a aprovação de míseros 3% dos eleitores, Michel Temer completa 77 anos neste sábado (23); o peemedebista, primeiro governante a ser acusado de crime comum, passará o domingo em reunião com parlamentares da base aliada, tramando uma estratégia para escapar da denúncia por obstrução de justiça e comando de organização criminosa, oferecida pela Procuradoria-Geral da República

247 - Michel Temer comemorou neste sábado (23) seu aniversário de 77 anos com familiares e amigos. Aprovado apenas por 3% dos eleitores, Temer fará reunião com a base aliada nesse domingo (24). O intuito é discutir a estratégia para a tramitação da segunda denúncia contra ele na Câmara dos Deputados - desta feita, por obstrução de justiça e comando de organização criminosa.

Com o envio da denúncia à Câmara dos Deputados, o Palácio do Planalto começou na sexta-feira (22) a fazer o mapa de votações na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça). O governo espera obter pelo menos 43 votos na CCJ, de forma a barrar a denúncia. A ideia é se livrar da denúncia ainda em outubro e votar a reforma da Previdência ainda em novembro.

A pressa governista acontece porque caso a reforma previdenciária não seja votada em novembro, há chance do tema ir ao plenário apenas em 2018, ano eleitoral. A proximidade das eleições aumenta o risco de derrota do governo na reforma da Previdência. O projeto precisa ser aprovado em dois turnos na Câmara dos Deputados e no Senado Federal e o quórum parlamentar em dezembro costuma ser baixo.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

MENDONÇA FILHO VOLTA A SER ESCRACHADO: ‘XÔ, GOLPISTA’

Suspeitos de assalto a banco são mortos em tiroteio com PMs no Sertão

BLITZ DO DETRAN EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE. A POLÊMICA CONTINUA

CHEIA NO RIO CAPIBARIBE

O ÚLTIMO ADEUS A ZÉ ELIAS