Plano de retomada: Diogo Moraes confirma inclusão da cobertura Central de Feiras de Santa Cruz na agenda do Governo de Pernambuco

Implantação dessa coberta vai oferecer mais conforto para 
quem compra e para quem vende no local


Representante do Agreste na Assembleia Legislativa de Pernambuco, o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) se reuniu, na manhã desta quarta-feira (27), com o presidente da Companhia Estadual de Habitação e Obras, Bruno Lisboa, e confirmou a inclusão da obra de cobertura da Central de Feiras e Mercados de Santa Cruz do Capibaribe nas ações do Plano de Retomada de Pernambuco. Essa obra já é uma demanda antiga do município e foi solicitada pelo parlamentar durante o seu mandato na Alepe.

Na conversa com Bruno Lisboa, o parlamentar articulou a visita dos técnicos da CEHAB ao local para dar início ao planejamento da obra, que será anunciada pelo governador Paulo Câmara nos próximos dias. “A Central de Feiras e Mercados é uma solicitação nossa que há alguns anos reforçamos sua importância. Ao longo desse período, tivemos momentos de crises econômicas nacionais e até globais, como a pandemia do coronavírus, que causou impactos em todo o planeta. Mas graças ao trabalho do governador Paulo Câmara e toda sua equipe administrativa e econômica, estamos levando a todo Estado o Plano de Retomada, com obras e ações diversas e essa cobertura da Central está dentro do cronograma do Governo Estadual”, afirmou Diogo Moraes. O investimento para obra é de R$ 5 milhões.

A Central de Feiras e Mercados José Amaro Xavier foi inaugurada em 2015, com quase seis mil metros quadrados de extensão, e quase mil quiosques, entre os bancos de verduras, frutas, cereais, carnes e lanches. A iniciativa é de grande importância para o setor econômico de Santa Cruz do Capibaribe e a com a implantação dessa coberta será possível oferecer mais conforto para quem compra e para quem vende no local.

Durante o encontro desta quarta, Diogo Moraes acertou a visita de Bruno Lisboa à Central, já que a CEHAB ficará responsável pela obra.

PLANO DE RETOMADA - O Governo de Pernambuco lançou, em agosto, um pacote de incentivos para estimular a geração de empregos e, ao mesmo tempo, investir em projetos estruturadores no Estado. O Plano Retomada mira em quatro eixos: investimento público, investimento privado, ambiente de negócios e pessoas e crédito. Até o final de 2022, o Estado vai aplicar R$ R$ 5 bilhões na iniciativa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado