Governo de PE acaba restrição de horário em atividades sociais e econômicas e amplia capacidade de público em eventos e estádios


Medidas entram em vigor em 1º de novembro. Estado anunciou, nesta quinta (28), que vai acabar com a obrigatoriedade de máscaras em locais abertos em Noronha, que terá festa de réveillon este ano.

O governo de Pernambuco anunciou, nesta quinta (28), o fim da restrição de horário de funcionamento das atividades sociais e econômicas em todo o estado. Também aumentou a capacidade de público em eventos e em jogos de futebol e informou que Fernando de Noronha terá festa de réveillon (veja vídeo acima).

As novas medidas passam a valer no dia 1º de novembro. Elas foram anunciadas durante entrevista coletiva realizada no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual, no Centro do Recife.

Participaram o secretários de Saúde, André Longo, e de Turismo, Rodrigo Novaes, além da secretária-executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça.

Segundo o governo, o limite do número de pessoas em competições esportivas, eventos sociais, culturais e corporativos, shows, bailes e vaquejadas, dobra. Passa de 2,5 mil para 5 mil pessoas e 80% da capacidade do espaço, o que for menor.

Nos cinemas, teatros, circos e museus o funcionamento poderá ser com 100% da capacidade. Em jogos de futebol profissional, a quantidade de torcedoras nos estádios sobe para até 30% da capacidade nos estádios.

Capacidade de público nos estádios de Pernambuco
EstádioCapacidade máximaCapacidade total
Arena de PernambucoAté 13.380 torcedores46,1 mil torcedores
ArrudaAté 18 mil torcedores60 mil torcedores
Ilha do RetiroAté 10.500 torcedores35 mil torcedores
AflitosAté 5.880 torcedores19,6 mil torcedores
Lacerdão (Central)Até 9.000 torcedores30 mil torcedores
Cornélio de Barros (Salgueiro)Até 3.600 torcedores12 mil torcedores
Ademir Cunha (Paulista)Até 3.600 torcedores12 mil torcedores

Fonte: Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco

Outra novidade é o fim da obrigatoriedade de máscaras em locais abertos, em Fernando de Noronha. Isso ocorre a partir de 17 de novembro.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

De acordo com Ana Paula Vilaça, o controle vacinal continua sendo realizado em todos esses espaços. “Continua a exigência de esquema vacinal completo para 90% desse público e de apenas 10% com apenas uma dose e testagem negativa para a Covid-19”, destacou.

Saúde

O secretário André Longo destacou que, neste momento, não é possível a liberar o uso de máscara no restante do estado. Ele lembrou que, em Fernando de Noronha, toda a população elegível está vacinada com as duas doses contra a Covid-19.

“O último caso em Noronha ocorreu há mais de um mês e o último quadro grave há mais de quatro meses. No restante do estado, ainda não há condições sanitárias de fazer isso. Estamos com apenas 60% da população elegível acima de 12 anos vacinadas e ainda temos 500 mil pernambucanos com a segunda dose atrasada”, destacou.

Ainda segundo ele, em Noronha, os moradores estão em dia com a vacinação das doses de reforço e há “uma baixíssima circulação viral”.

“Aqui no continente, a gente atingiu, hoje, 60% da população vacinada elegível, acima de 12 anos, então a gente considera esse número ainda insatisfatório para tomar uma medida como esta, mesmo que em ambientes abertos.”

O gestor disse também que o estado trabalha “com um patamar de segurança que é próximo aos 80% e com um patamar de circulação viral menor”.

“Hoje, a gente ainda está tendo tacas de positividade de 6 a 7%, em especial de pessoas sintomáticas. E o controle se estabelece quando esse patamar está abaixo de 5%. A gente precisa ainda avançar mais no processo de vacinação para pensar na flexibilização do uso de máscaras aqui no continente”, afirmou.

Veja como ficam as atividades

Academias e similares

  • 100% da utilização dos aparelhos de cardio;
  • Sem restrição de horário.

Serviços de alimentação

  • 80% da capacidade do local com até 15 pessoas por mesa;
  • Sem restrição de horário;
  • Distanciamento de 1 metro entre as mesas;
  • Permitido música ao vivo;
  • Permitido pessoas em pé, com máscara.

Comércio varejista de bairro

  • Um cliente a cada 5 m² para áreas internas das lojas e de circulação;
  • Sem restrição de horário.

Comércio varejista do Centro

  • Um cliente a cada 5 m² para áreas internas das lojas e de circulação;
  • Sem restrição de horário;
  • Shoppings centers e galerias comerciais
  • Um cliente a cada 5 m² para áreas internas das lojas e de circulação

Feira de negócios

  • Um cliente a cada 5 m² para áreas internas dos estandes e de circulação;
  • Sem restrição de horário.

Escritórios comerciais

  • 100% da capacidade do local;
  • Sem restrição de horário.

Clubes sociais

  • Sem restrição de horário;
  • Permitido sauna;
  • Permitido música ao vivo

Eventos (formatura/cultos ecumênicos/ shows/bailes/eventos esportivos e vaquejadas)

  • Cinco mil pessoas ou 80% da capacidade do local, o que for menor;
  • A partir de 300 pessoas, ingresso apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;
  • Obrigatório uso de máscara
  • No mínimo 50% da capacidade de pessoas permitida no espaço deve estar acomodada em mesas e cadeiras;
  • Permitido ficar em pé com máscara;
  • Sem restrição de horário.

Cinemas, teatros e circos

  • 100% da capacidade do local;
  • A partir de 300 pessoas, ingresso apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;
  • Sem restrição de horário

Museus

  • 100% da capacidade do local
  • Sem restrição de horário

Competições esportivas:

  • Cinco mil pessoas ou 80% da capacidade do local, o que for menor;
  • A partir de 300 pessoas, ingresso apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;
  • Sem restrição de horário.

Jogos de futebol profissional:

  • Até 30% da capacidade do estádio
  • A partir de 300 pessoas, público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;
  • Sem restrição de horário.

Escolas e universidades

  • Sem restrição de horários.
  • Distanciamento de 1 metro entre as bancas escolares

Covid em Pernambuco

Pernambuco confirmou, nesta quinta (28), mais 731 casos e 20 mortes de pessoas com Covid-19. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), com os novos registros, o estado passou a totalizar 630.520 infecções e 19.990 óbitos ocasionados pela doença. Os números começaram a ser contabilizados em março de 2020.

G1 Caruaru

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado