Secretaria de Desenvolvimento Social de Santa Cruz entrega certificados da primeira turma de concluintes do Curso de Manicure

Novos cursos devem ser realizados em breve no CRAS da Praça CEU

Josiele Cordeiro recebe seu certificado das mãos da Coordenadora Angeline Clemente

Neste final de semana, a Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social de Santa Cruz do Capibaribe realizou uma cerimônia de entrega de certificados de conclusão para a primeira turma do Curso de Manicure, realizado no CRAS da Praça CEU. Este o primeiro de uma série de cursos profissionalizantes que serão ofertados na unidade.

"É um sentimento de dever cumprido que temos hoje. Ver essas pessoas que não tem condições de custear esse tipo de curso finalmente tendo essa oportunidade é muito gratificante", destacou Angeline Clemente, a coordenadora do CRAS. "90% do nosso público é composto por mulheres. Desse modo, iniciamos os cursos com esse de manicure, que era muito pedido por elas."

Os cursos foram realizados durante dois dias da semana no horário da noite, visando que as alunas pudessem se organizar durante o dia, visto que muitas são donas de casa. "É sempre importante que consigamos nossa independência financeira, além disso, a maioria dessas mulheres são mães, então priorizamos suas necessidades para que todas fossem atendidas", destacou Angeline.


"É muito gratificante ajudar as pessoas a entrar no mercado de trabalho. A turma se esforçou desde o começo e tivemos um excelente resultado. Esse é apenas o começo", comentou a professora Flávia Oliveira.

A coordenadora também confirmou que um dos próximos cursos ofertados pelo CRAS da Praça CEU será o de Corte de Cabelo, além de um curso de estamparia.

O CRAS da Praça CEU também fornece atendimentos com Assistente Social, advogado e Psicólogo, além de grupos de acompanhamento para os cadastrados no centro. O telefone de contato é o (81) 9.9295-1508.







Edição- Jorge Luis
Reportagem- Jairo Gomes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado