Hospital de Campanha de Santa Cruz do Capibaribe passará a funcionar como Centro de Referência para Covid-19, a partir desta segunda-feira (20)


A estrutura do Hospital de Campanha continuará montada até o fim da pandemia

Santa Cruz do Capibaribe já começa a sentir os impactos positivos do avanço na vacinação contra o coronavírus. Após registrar um dos piores momentos da pandemia, no início deste ano, o município vem apresentando uma queda significativa no número de novos casos e óbitos relacionados a Covid-19. Com esse avanço na imunização e na redução na gravidade da pandemia no município, o Hospital de Campanha de Santa Cruz não vem mais registrando internamentos na unidade. Com isto, o local passará por algumas mudanças no seu atendimento e se tornará um Centro de Referência para Covid-19.

A partir desta segunda-feira (20), o Centro funcionará de forma ambulatorial das 7h às 19h e qualquer cidadão, que estiver com sintomas de doenças respiratórias, deve procurar a unidade para consultas e realização de testes do coronavírus. O custo mensal para manutenção do Hospital de Campanha é de aproximadamente R$ 500 mil e não existe mais a demanda de internamentos. Mesmo com o funcionamento sendo de forma ambulatorial, toda a estrutura hospitalar continuará montada para qualquer emergência que surgir. Os pacientes que necessitarem de internamento, serão encaminhados para os hospitais de referência do Estado, como já vem ocorrendo.

A secretária de Saúde Lívia Borba, comemorou a redução significativa na gravidade da pandemia no município. “Estamos todos muito felizes com a diminuição dos casos e óbitos em Santa Cruz. No início do ano, passamos pelo pior momento da pandemia entre os meses de maio a julho, onde chegamos a registrar uma média diária de 100 novos casos, em uma semana. Trabalhamos arduamente para reduzirmos esse número e temos certeza, que o avanço da vacinação no município e as medidas tomadas pela gestão foram determinantes para esse novo cenário. Com a falta de internamentos, optamos por transformar a unidade em um Centro de Referência, mas permanecendo com toda estrutura montada, caso haja alguma emergência e possamos precisar retornar com o funcionamento 24h”, disse.

A secretária também pontuou a importância da população continuar com os cuidados recomendados e participar da vacinação, principalmente retornando para tomar a segunda dose e finalizar seu esquema vacinal, pois só assim, será possível vencer esse vírus de uma vez por todas.

Combate a Covid-19

Desde janeiro, a prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe vem realizando diversas ações no enfrentamento à Covid-19 no município, como a abertura do Hospital de Campanha, que é referência em nossa região e já realizou mais de 4.500 atendimentos, a instalação de barreiras sanitárias em locais estratégicos da cidade, a higienização e sanitização das principais ruas do município, a fiscalização de bares, restaurantes e focos de aglomeração e a ampliação da imunização dos santa-cruzenses, no Centro de Vacinação. Atualmente a Secretaria de Saúde vem realizando mutirões de testagem e descentralizou os testes para todas as Unidades Básicas de Saúde do município.

Abaixo você pode conferir os números de novos casos e óbitos em cada mês:

Janeiro:
- Novos Casos: 435
- Óbitos: 1

Fevereiro:
- Novos Casos: 395
- Óbitos:7

Março:
- Novos Casos: 633
- Óbitos: 8

Abril:
- Novos Casos: 683
- Óbitos: 14

Maio:
- Novos Casos: 1.153
- Óbitos: 20

Junho:
- Novos Casos: 923
- Óbitos: 16

Julho:
- Novos Casos: 380
- Óbitos: 8

Agosto:
- Novos Casos: 137
- Óbitos: 2

Setembro:
- Novos Casos: 105
- Óbitos: 1

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado