CadÚnico de Santa Cruz zera filas de atendimento

Órgão atende questões sobre Bolsa Família e outros benefícios sociais, como o BPC do INSS, além de ter sido órgão chave para beneficiar famílias carentes com o Auxílio Municipal Emergencial


Em entrevista ao Blog do Jairo Gomes, a gestora do Cadastro Único (Bolsa Família) de Santa Cruz do Capibaribe, Denise Lira, confirmou que o órgão zerou as filas de atendimento no município. Denise destacou a importância do apoio da Secretaria de Governo e Desenvolvimento Social com a rapidez e eficácia do atendimento, que foi dividido em cinco setores: a Sede no Bairro Novo, o CRAS Júlio César no Acauã, o CRAS Dores Marques no Bela Vista, na Subprefeitura de Poço Fundo e na Escola José Quirino na Vila do Pará.

"Na antiga gestão, o Bolsa Família não estava realizando atendimentos, e isso gerou aglomerações no começo da nossa gestão. Por isso fizemos mudanças, ampliamos os locais de atendimento e consequentemente estamos passando por mais tranquilidade", disse Denise.

Recentemente o CadÚnico foi peça importante para a realização do Auxílio Municipal Emergencial, onde as pessoas contempladas foram famílias que estavam na fila de espera do Bolsa Família. "Os contemplados pelo Auxílio são famílias que estavam ou não cadastradas no CadÚnico. Caso não estivessem, nova equipe realizou toda a busca das famílias, averiguou a situação e as inseriu no cadastro para serem contempladas", afirmou.

Por fim, Denise agradeceu ao Prefeito Fábio Aragão pelo apoio, junto da Secretária de Desenvolvimento Social, Ivone Aragão. "Eu costumo dizer que Fábio e Dona Ivone formam a base para fazermos o serviço funcionar. E sempre que precisamos ambos estão disponíveis para nos atender", concluiu.

Edição: Jorge Luis
Reportagem: Jairo Gomes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em novo caso de nudez, corredora sai pelada em Porto Alegre

Em 2020, Governo Bolsonaro gastou R$ 15 milhões em leite condensado