Armando aposta na unidade das oposições no Recife: “O projeto do PSB dá sinais de esgotamento”



Firme na decisão de não concorrer a cargos públicos nas eleições de prefeito do próximo ano, Armando Monteiro, presidente de honra do PTB de Pernambuco, disse acreditar que a população do Recife saberá agir com independência nas eleições de 2020 e se posicionar de forma livre em relação ao projeto do PSB, que dá sinais de esgotamento.

Armando tem trabalhado para construir a unidades das forças de oposição no Recife e nos principais municípios do interior do Estado.

“Eu acho que as forças de oposição tiverem e terão a capacidade de construir um amplo entendimento no sentido de não apenas definir a melhor estratégia para a sucessão municipal, como buscar um nome que possa reunir as melhores condições de disputa”, defendeu.

“Acredito muito no Recife, na expressão de independência do Recife. Na minha vida pública, fui testemunha de diversos momentos em que o recifense se mostra irredento. Quando todo mundo pensa que ele vai seguir numa direção, dá um sinal contrário e muda”, avalia, lembrando situações em que a oposição esteve perto de levar a disputa eleitoral para o segundo turno.

“Não postulo nada na eleição de 2020 e fico à vontade para conversar com todos os setores e todas as lideranças do campo de oposição. Quero dar a minha colaboração no sentido de ver se Pernambuco encontra um outro rumo, uma outra direção”, ressalta, salientando que deseja ajudar as forças oposicionistas nos mais diversos municípios, a exemplo de Caruaru, Petrolina, Garanhuns, Ipojuca, Santa Cruz do Capibaribe e Igarassu, entre dezenas de outros.

Crédito da foto: Assessoria de imprensa/divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CICLISTAS SANTA-CRUZENSES DE MALAS PRONTAS PARA NOVOS DESAFIOS