Agora é Lei! Teste do Bracinho se torna obrigatório em crianças a partir de 3 anos

Após passar pelas Comissões Permanentes, o Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco promulga Lei idealizada pelo Deputado Clodoaldo Magalhães.

Já aprovada anteriormente pelas Comissões Permanentes (Constituição, Legislação e Justiça, Administração Pública e Saúde e Assistência Social) e pelo plenário da Alepe, o Projeto de Lei Ordinária nº 103/2019, idealizado pelo Deputado Clodoaldo Magalhães (PSB), se tornou a Lei nº 16.586.

A Lei torna obrigatória a realização do teste do bracinho em Pernambuco. A proposta prevê que as crianças, a partir de três anos, atendidas nos hospitais, clínicas e demais unidades de saúde do estado, terão a pressão arterial aferida durante as consultas pediátricas. Além de identificar alterações na pressão arterial, o teste tem como objetivo o rastreio, diagnóstico e a prevenção de doenças cardíacas e renais.

“O Teste do Bracinho é uma medida muito simples e faz com que você descubra as crianças que começam a ter aumento da pressão sanguínea ainda muito novas. Com essa medida, você economiza muitos recursos públicos de saúde, evitando que essa pressão aumentada continue destruindo a saúde do cidadão, o que no futuro trará prejuízos enormes com os tratamentos das complicações para o paciente. Estamos muito felizes com essa conquista”, afirmou o parlamentar. 

Crédito da imagem: Rodolfo Barbosa

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara