Magazine Luiza anuncia a compra da Netshoes por R$ 244 milhões

Por Agência O Globo

Aquisição da empresa especializada em artigos esportivos é mais uma iniciativa da varejista em ampliar a participação das vendas online

Divulgação
Magazine Luiza comprou a Netshoes

A Magazine Luiza anunciou a compra da Netshoes por US$ 62 milhões, o equivalente a R$ 244,4 milhões. A aquisição da empresa especializada em artigos esportivos é mais uma iniciativa da varejista em ampliar a participação das vendas no ambiente virtual e também ofertar um maior sortimento de produtos. Já para a empresa de comércio eletrônico, uma das pioneiras nesse ramo no Brasil, é a saída possível após anos de prejuízo. 
Em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Magazine Luiza explicou que a aquisição da Netshoes será feita por meio de uma subsidiária nas Ilhas Cayman e que a transação precisa ser aprovada pelo Conselho de Administrativo de Defesa Econômico (Cade). Como a aquisição esta sendo feita por uma subsidiária no exterior, a Magazine Luiza não precisa de aprovação dos acionistas.

"Na nossa visão, a aquisição estaria em linha com a estratégia de expansão de sortimento da empresa. As vendas online da Netshoes foram de R$2,5 bilhões nos últimos 12 meses e se comparam às vendas online da Magazine Luiza de R$ 7,0 bilhões em 2018", avaliaram os analistas da XP Investimentos.
Os US$ 62 milhões são menos da metade do que a Netshoes conseguiu em sua abertura de capital (IPO, na sigla em inglês), ocorrida há dois anos na Nasdaq. Na ocasião, foram levantados US$ 138,85 milhões, ou US$ 18 por ação. Na sua venda para a Magazine Luiza, cada papel está saindo a um preço de US$ 2 (ao final dos negócios de hoje, a ação era cotada a US$ 2,65).

A empresa foi fundada em 200 por Márcio Kumruia, que até hoje se mantém à frente dos negócios. Ele tentou reverter os prejuízos contantes com a venda da operação no México e com mudanças de estratégias, mas isso não foi suficiente e a pressão dos acionistas passou a aumentar. Foi quando, em setembro, colocou a Netshoes à venda.
No acordo assinado pela Magazina Luiza, uma parcela de 47,9% da Netshoes já se comprometeram a votarem de forma favorável à venda da empresa. 

No acumulado de 2018 até setembro, a Netshoes tinha um prejuízo de R$ 231 milhões e uma dívida líquida de R$ 144,2 milhões. A receita líquida no período totalizou R$ 1,2 bilhão, uma queda de 1,7% na comparação com o mesmo período do ano anterior. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara