Luciana Santos diz ser cética em relação ao governo Bolsonaro

Foto: Dayvison Nunes/JC Imagem


Após tomar posse como vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos afirmou nesta terça-feira (1º) que não acredita no governo Jair Bolsonaro (PSL). “Eu sou cética”, disse ela, que é presidente nacional do PCdoB.

“Eu penso que o projeto político que a própria candidatura colocou tem como tendência principal manter o conceito de Estado mínimo, esse conceito liberal. Historicamente eu sempre achei que o Estado não precisava ser mínimo nem máximo, ele precisa ser o Estado necessário, inclusive na economia e dar as garantias para a qualidade de vida da nossa gente”, justificou.

Luciana Santos admitiu, porém, que no papel de vice-governadora deve dialogar com o governo Bolsonaro. 

“Sempre colocarei o interesse dos Pernambucanos acima das divergências político ideológicas”, afirmou.

Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem

Em seu discurso de posse, o governador Paulo Câmara (PSB) alfinetou Bolsonaro em diversos momentos. “O amor ao Brasil não é monopólio de nenhum brasileiro, seja civil ou militar”, disse. 

“A submissão, em qualquer tempo, de qualquer natureza, por qualquer motivo, é incompatível com o espírito libertário dos pernambucanos. Apoiaremos decisões que beneficiem Pernambuco e o Nordeste, a exemplo das obras complementares da Transposição das águas do Rio São Francisco e da conclusão da Ferrovia Transnordestina. Mas seremos contra, fundados em sólidos argumentos, a iniciativas que comprometam o futuro do estado e da região, como a privatização da Chesf”, afirmou ainda o socialista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MENDONÇA FILHO VOLTA A SER ESCRACHADO: ‘XÔ, GOLPISTA’

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe