Bancada do PSB na Câmara Federal homenageia os 27 líderes da legenda desde 1987 com galeria de fotos


Em cerimônia que contou com as presenças do presidente da Câmara, Rodrigo Maia; do vice-presidente, Fábio Ramalho; e do terceiro-secretário, JHC, foi descerrado o quadro da galeria dos líderes da Bancada do PSB na Câmara dos Deputados, homenageando, numa linha do tempo com fotos, os 27 parlamentares que ocuparam o cargo desde 1987. O painel foi instalado na sala de reuniões da Liderança do Partido na Casa.

O atual líder, deputado Tadeu Alencar (PE), falou do orgulho de fazer parte desse grupo de parlamentares que estiveram, em algum momento, à frente da Bancada na Câmara. “É uma honra figurar nesta galeria. Aqui, fazemos um reconhecimento e um tributo à memória do Partido que tem 70 anos de história, sem nunca claudicar nos seus deveres de defesa dos interesses maiores da sociedade brasileira”, ressaltou o socialista. Tadeu falou do momento desafiador da política nacional e destacou o trabalho do PSB nesse cenário. “Não recusaremos a tarefa de contribuir com os interesses do País, com ideias e com propostas. O partido tem sido o sustentáculo da democracia, da República, dos princípios e dos valores que nos trouxeram até aqui, e assim seguiremos com o nosso trabalho.”

Para o presidente Nacional do PSB, Carlos Siqueira, a galeria relembra toda a história do Partido, uma vez que, segundo ele, os parlamentares representam o rosto público da Legenda. Siqueira destacou o papel ainda mais significativo que a Bancada eleita para a próxima Legislatura terá diante da conjuntura política nacional. “O momento inédito da política é extremamente desafiador. Estou seguro de que os deputados compreenderão o trabalho que o destino lhes reservou nesta quadra da vida nacional”, avaliou.

Governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, líder do PSB entre os anos de 2009 e 2011, demonstrou profundo orgulho ao lembrar que conviveu com todos os líderes homenageados. Na ocasião, ele também reforçou a necessidade de a Bancada permanecer unida diante do cenário que se apresenta. “Precisaremos de muito espirito público e de muita unidade no campo progressista, para que possamos avançar na construção um país menos desigual e mais generoso no compromisso com a população.” Rollemberg acredita que o PSB cumprirá, mais uma vez, papel muito importante na história política do País.


Presente na cerimônia, o presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia, destacou trabalho dos líderes do PSB no Congresso. Ao falar da galeria, Maia ressaltou a importância de se preservar a história. “Um país sem memória é um país que nunca construirá um futuro melhor para seus brasileiros. Vivemos num País com 13 milhões de pessoas em extrema pobreza. Nesse sentido, independente da questão ideológica e de qual é o caminho correto, esse tem que ser sempre nosso objetivo, o de que os brasileiros tenham igualdade de oportunidades para tirarmos do Brasil essa marca.” O vice-presidente da Casa, Fábio Ramalho, e o terceiro secretário da Mesa Diretora, deputado JHC (PSB-AL), também prestigiaram a cerimônia.

O trabalho realizado pela Liderança do PSB ao longo desses anos sempre mereceu destaque. Além do importante papel no combate à corrupção, os líderes da Legenda se evidenciaram pela defesa dos direitos sociais, na luta pela diminuição das desigualdades e pela melhoria de vida da população em relação a temas básicos como saúde, educação, segurança e emprego. A questão ambiental também esteve presente nos debates propostos pelas lideranças socialistas, assim como a defesa dos direitos dos trabalhadores, a segurança no trânsito, o combate às drogas e a assistência à família e a vítimas de catástrofes.

Sintonia – Líder do PSB nos anos de 2013 e 2014, momento em que foi preparada a lançada a candidatura de Eduardo Campos à presidência da República, Beto Albuquerque acredita que o líder da bancada deve ser a expressão da história e do pensamento da legenda que representa. “Os líderes são importantes quando têm absoluta sintonia com o partido. Devem estar conectados com a história, com as lutas, com os programas e as convicções da base de militantes.”

O deputado Júlio Delgado (MG) falou da nobreza com que todos os que passaram pela Liderança exerceram a função. “Esse papel é fundamental para a vida do Partido. Mas, além disso, é um papel que projeta esses ex-líderes para espaços enobrecidos e, assim, contribuir em outras esferas com uma política pública e social, que é a pauta do PSB.”

Dos líderes homenageados, estiveram presentes na cerimônia de descerramento do quadro da galeria a ministra do Tribunal de Contas da União, Ana Arraes; o deputado Givaldo Carimbão (Avante-AL); a deputada Luíza Erundina (PSOL-SP) e o ex-deputado Alexandre Cardoso.

Fotos em alta resolução disponíveis neste link 

* Com informações da Assessoria de Comunicação da Liderança do PSB na Câmara Federal.

Postagens mais visitadas deste blog

ZÉ ELIAS CONCEDE ENTREVISTA E FALA SOBRE O MOMENTO DIFÍCIL QUE ESTÁ PASSANDO

EDILSON TAVARES, UM OUTSIDER QUE DEU CERTO