Novo saque do PIS/Pasep é liberado nesta quinta-feira

Trabalhadores podem checar se têm valores a receber acessando o site do Banco do Brasil, no caso do Pasep, e da Caixa Econômica Federal, para o PIS

Giuliana Saringer, do R7

Trabalhador precisa ser cadastrado no PIS/Pasep para ter direitoServiço Noticioso / Fotoarena - 13.08.2018

O pagamento de mais um lote do PIS/Pasep(abono salarial) começa nesta quinta-feira (18).

O abono salarial é um benefício garantido aos trabalhadores que estão cadastrados no fundo PIS/Pase por pelo menos cinco anos, que receberam remuneração mensal de até dois salários mínimos (R$ 1.908, em 2018) durante o ano-base, ter trabalhado por pelos menos 30 dias no período e ter os dados informados pelo empregador no RAIS (Relação Anual de Informações Sociais).

O PIS (Programa de Integração Social) é destinado aos funcionários da rede privada e é administrado pela Caixa Econômica Federal. Para os nascidos em outubro, estão disponíveis R$ 1,38 bilhão para 1,89 milhão de trabalhadores. Já o Pasep destina-se aos servidores públicos e é administrado pelo Banco do Brasil.

O calendário de pagamentos do PIS é determinado de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. Nesta quinta, o lote liberado contempla os nascidos em outubro. Já o Pasep, considera o número final do benefício, contemplandos o final 3 nesta liberação.

O calendário de pagamentos termina em 13 de março de 2019, incluindo os funcionários nascidos em maio e junho e benefício com final 8 e 9.

O valor do benefício varia de acordo com o tempo de trabalho do servidor. A quantia vai de R$ 80, para quem trabalhou apenas um mês no ano, e chega a um salário mínimo (R$ 954), para quem ocupou cargo com carteira assinada por 12 meses.

Os trabalhadores podem conferir se têm direito a receber algum valor acessando o site do Banco do Brasil, no caso do Pasep, ou da Caixa no caso do PIS.

Arte/ R7

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara