OBRAS DO SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO E DA ADUTORA DO ALTO CAPIBARIBE EM RITMO ACELERADO


Fernando Aragão e Carlinhos da Cohab participaram, na manhã desta quarta-feira, de vistoria no canteiro de obras do Sistema de Esgotamento Sanitário de Santa Cruz do Capibaribe. Engenheiros da Compesa e do consórcio de empresas responsáveis pela construção fizeram um relato do andamento da obra, que tem previsão de ser entregue em Setembro de 2019.

Rômulo Aurélio, diretor Técnico e de Engenharia da Compesa, falou que o cronograma está sendo cumprido e que tudo está sendo feito para que a população comece a receber os benefícios da obra no menor espaço de tempo possível.

A obra recebe um investimento de R$ 100 milhões, recursos captados pelo Governo de Pernambuco junto ao Banco Mundial por meio do Projeto de Sustentabilidade da Bacia do Rio Capibaribe (PSH) e beneficiará Santa Cruz do Capibaribe e o distrito de São Domingos do Brejo da Madre de Deus.


"Estamos aqui inspecionando duas obras importantes que a Compesa está desenvolvendo aqui em Santa Cruz do Capibaribe. Uma que é a implantação do sistema de esgotamento sanitário, cuja estação de tratamento de esgoto estamos vendo aqui o andamento da obra, que está em ritmo acelerado, onde já foram implantadas mais de 360 toneladas de aço. É uma unidade para tratar todo o esgotamento sanitário de Santa Cruz e também de São Domingos. A outra é a visita a obra de implantação da adutora do Alto Capibaribe, obra que vai atender Santa Cruz, Toritama, Jataúba, Brejo, Taquaritinga, Vertentes, Vertentes do Lério, Frei Miguelinho e demais cidades. Uma importante obra para trazer água que vai se integrar ao sistema adutor do agreste. São obras estruturadoras que vão trazer qualidade de vida para a população de Santa Cruz e região", falou Rômulo Aurélio.

Postagens mais visitadas deste blog

ZÉ ELIAS CONCEDE ENTREVISTA E FALA SOBRE O MOMENTO DIFÍCIL QUE ESTÁ PASSANDO

EDILSON TAVARES, UM OUTSIDER QUE DEU CERTO