Bruno e Daniel fazem as pazes e aparecem juntos acusando Detran de roubar

Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Blog de Jamildo

Menos de um ano após trocarem farpas publicamente, os deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Daniel Coelho (PPS), um candidato ao Senado e o outro à reeleição, agora aparecem juntos em vídeo de campanha. Na gravação, os dois criticam o governo Paulo Câmara (PSB) e acusam o Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) de “roubar”.

Na gravação, Bruno Araújo fala sobre o período em que era ministro das Cidades e pede a implantação do Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) no Estado. “O sistema, através de aplicativo, permite um desconto de 40% nas multas de trânsito”, afirma o parlamentar.

“Enquanto quase todos os estados do Brasil assinaram o convênio que estão dando acesso a isso a população, Pernambuco não assinou. O Detran de Pernambuco está roubando o nosso povo”, acrescenta Daniel Coelho.

Os dois entraram em atrito no ano passado. Enquanto Daniel Coelho era dos chamados “cabeças-pretas”, que defendiam o desembarque do PSDB do governo Michel Temer (MDB), Bruno Araújo era ministro.

Já no fim do ano, Daniel abandonou a convenção estadual do partido se dizendo vítima de perseguição de Bruno e acusando o parlamentar, que é presidente estadual da sigla, de querer fazer dela um “puxadinho de Temer”. O tucano devolveu as críticas. Daniel queria o cargo de tesoureiro do PSDB e Bruno ofereceu a secretaria-geral, o que iniciou um novo conflito. Em abril, Daniel deixou o partido e se filiou ao PPS.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara