Em nome da mudança, convenção oficializa Armando, Bruno e Mendonça neste sábado (4)


Os pernambucanos querem mudança, mas não uma mudança aleatória: o quadro caótico que o Estado vive desde 2015 exige que esse sentimento se traduza em responsabilidade. E o resultado dessa equação só tem um resultado: a escolha de Armando Monteiro para liderar essa onda de transformação, que terá seu divisor de águas neste sábado, quando a frente de oposição “Pernambuco Vai Mudar” realiza a convenção que vai sacramentar o nome do senador do PTB como candidato ao governo e dos deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM) como postulantes às duas vagas no Senado. A convenção será realizada no Classic Hall, em Olinda, a partir das 9h.

Milhares de pessoas deverão comparecer à casa de eventos, numa tradução espontânea da elevada taxa de rejeição ao governador Paulo Câmara, que se expressa nos quatro cantos de Pernambuco. Ao todo, 12 partidos dão sustentação à frente: PTB, DEM, PSDB, PRB, Podemos, PSC, PPS, PSDC, PV, PSL, PHS e PRTB – os últimos quatro integram a chapa proporcional “Avança Pernambuco”. É maior frente de oposição de toda a história de Pernambuco.

Ao lado de Armando, apoios de peso. Além de Mendonça Filho, mais quatro ex-governadores de Pernambuco se juntaram para dar suporte à chapa majoritária que será oficializada neste sábado: Roberto Magalhães (DEM), Joaquim Francisco (PSDB), Gustavo Krause (DEM) e João Lyra (PSDB). Outro aliado que está com a frente de oposição desde o início do ajuntamento de forças é o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB).

Também reforçam o time da mudança uma multidão de lideranças, como os deputados federais Fernando Bezerra Coelho Filho (DEM), Betinho Gomes (PSDB), Jorge Corte Real (PTB), Zeca Cavalcanti (PTB), Daniel Coelho (PPS), Ricardo Teobaldo (Podemos) e Marinaldo Rosendo (PP). Já na Assembleia Legislativa, o projeto de mudança conta com o apoio dos deputados estaduais Sílvio Costa Filho (PRB), Júlio Cavalcanti (PTB), José Humberto Cavalcanti (PTB), Álvaro Porto (PTB), Augusto César (PTB), Socorro Pimentel (PTB), Terezinha Nunes (PSDB), André Ferreira (PSC), Bispo Ossésio (PRB) e Priscila Krause (DEM).

Armando também assegurou a companhia de prefeitos das mais importantes cidades de Pernambuco, como Anderson Ferreira (PR/Jaboatão dos Guararapes), Raquel Lyra (PSDB/Caruaru), Miguel Coelho (sem partido/Petrolina), Célia Sales (PTB/Ipojuca), Izaías Régis (PTB/Garanhuns), Bruno Pereira (PTB/São Lourenço da Mata), Clebel Cordeiro (MDB/Salgueiro), Mário Ricardo (PTB/Igarassu), Demóstenes Meira (PTB/Camaragibe), Vavá Rufino (PTB?Moreno), Erivaldo Oliveira (PSD/Serrita), Chaparral (PSD/Orobó), Marcelo Gouveia (PSD/Paudalho), entre outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ibope divulga nova pesquisa para o 2º turno da eleição presidencial

Foram divulgados os números da nova pesquisa Ibope sobre a disputa do 2º turno da eleição presidencial entre Fernando Haddad e Jair Bolsona...

POSTAGENS MAIS ACESSADAS