Cursos de caprinocultura e avicultura movimentam a zona rural de Santa Cruz do Capibaribe


A fim de incentivar a agricultura familiar e fortalecer os pequenos agricultores, a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe ofereceu dois cursos na área de caprinocultura e avicultura. 

Os cursos são voltados para melhor aproveitar o que o período chuvoso oferece aos agricultores. Um deles é a produção de feno, uma alternativa viável de conservação de forragens para alimentar os animais nos períodos de seca, onde os 11 agricultores da comunidade de Quixabeira aprenderam quais são os equipamentos necessários, locais apropriados para o plantio, tratos, cortes, entre outras técnicas precisas. 


A outra especialização foi oferecida em Barrinhos para 12 pessoas. O curso de manejo básico de avicultura tem o intuito de ajudá-los no manuseio das aves desde a criação do pinto até a fase de abate, a partir da limpeza das instalações, equipamentos e caixas d’águas, assim como a realização de vacinas e de como lidar com os possíveis incômodos que elas pode trazer as aves.

Os dois cursos são frutos de uma parceria entre a Secretaria Executiva de Agricultura de Santa Cruz do Capibaribe com o Sindicato Rural de Frei Miguelinho e com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), no intuito de melhorar as técnicas usadas na agricultura familiar. 


Além desses cursos, foi oferecido, entre 23 de abril e 09 de maio, para os agricultores do sítio Arapuá e expositores da feira de produção familiar, o curso de Administração de Produção Rural, no Centro de Educação Empreendedora, a fim de explorar conceitos de administração e gestão rural, promovendo aos alunos uma melhor forma de analisar suas produções, os custos e a comercialização. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bolsonaro tem 59% dos votos válidos contra 41% de Haddad, diz Datafolha

O capitão reformado e o ex-prefeito de SP oscilaram um ponto percentual em relação à pesquisa da última semana Por Clara Cerioni EXAM...

POSTAGENS MAIS ACESSADAS