Ato vai marcar fim do ciclo de celebração do Bicentenário da Revolução

Evento será comandado pelo governador Paulo Câmara, Palácio do Campo das Princesas

Do Blog da Folha 

Palácio do Campo das Princesas - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

O Palácio do Campo das Princesas será palco, nesta terça-feira (6), de solenidade que marcará a conclusão do ciclo de comemorações do Bicentenário da Revolução Pernambucana de 1817. O Governo do Estado e a Comissão Organizadora do Bicentenário organizaram um ato que irá exaltar os valores de liberdade e de justiça social, frutos do movimento revolucionário. 

No dia 6 de março, a partir das 7h30, será feito o hasteamento das bandeiras do Brasil, de Pernambuco e da Insígnia do Governador; em seguida, será realizado o desfile cívico-militar da Polícia Militar de Pernambuco, do Corpo de Bombeiros, do Grupo da Maçonaria e de estudantes da Rede Estadual de Ensino. 

Na sequência, o governador Paulo Câmara (PSB) irá até o Monumento aos Heróis da Revolução Pernambucana de 1817, escultura de Abelardo da Hora, localizada na Praça da República, para colocar uma coroa de flores, momento em que será feito um minuto de silêncio em homenagem aos mártires do movimento.

“Embora o ritual de celebração do marco histórico esteja se encerrando, a importância e o significado dos valores históricos da Revolução de 1817 serão permanentes com ações do Governo do Estado e dos parceiros”, afirma o presidente da Comissão do Bicentenário, o secretário-executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto.

Ainda na ocasião, serão entregues medalhas em homenagem a diversas instituições que contribuíram com o ciclo de celebração do Bicentenário da Revolução de 1817: Companhia Pernambucana de Pernambuco (Cepe), Fundação Joaquim Nabuco, Arquidiocese de Olinda e Recife, Prefeitura do Recife e Prefeitura de Olinda. 

Também será agraciada com a comenda a Comissão Organizadora do Bicentenário da Revolução Pernambucana de 1817. Entre os membros do comitê, estão a secretaria da Casa Civil e de Cultura do Governo do Estado, a Procuradoria Geral do Estado (PGE), a Prefeitura do Recife, o Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico Pernambucano (IAHGP), a Academia Pernambucana de Letras e o Comitê Pernambuco 2017 e a Cepe.

Também está programado para acontecer, de 5 a 7 de março, o VI Congresso Nordestino de Institutos Históricos e o I Congresso Pernambucano de Institutos Históricos Municipais, que serão realizados no IAHGP e no Museu da Cidade do Recife. Ainda está previsto para o dia 7, das 19h às 22h, o lançamento do livro “Bicentenário da Lei Orgânica da Revolução de 1817”, no auditório do empresarial Rio Mar Trade Center.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Paulo Câmara: Não vamos desistir do Brasil e mostraremos essa resistência em Pernambuco

Na tarde desta sexta-feira, o líder socialista reuniu prefeitos, ex-prefeitos e lideranças políticas para reafirmar o compromisso com Ferna...

POSTAGENS MAIS ACESSADAS