Operação Carnaval é lançada em Santa Cruz do Capibaribe


Na manhã desta quinta-feira (08) a Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe lançou, na sala de reuniões, o planejamento para o início da ‘Operação Carnaval da Moda 2018’, que começará nesta sexta-feira (09) e vai até a quarta-feira de cinzas. Participaram do encontro, o prefeito Edson Vieira, membros da Secretaria de Defesa Social do município, subcomandante do 24° Batalhão, órgãos de imprensa, vereadores e a população.

A operação será iniciada nesta sexta-feira (09) com 22 Guardas Civis Municipais (GCM), atuando em conjunto com policiais Militares e Civis. Já do sábado (10) até a terça-feira (13) serão 44 guardas que irão atuar diariamente na repressão contra o crime. Já na quarta-feira de cinzas (14) serão 27 GCM´s.

Durante a operação, o efetivo contará com cinco viaturas, sendo uma S-10 e quatro veículos Gol, além de quatro motocicletas XRE-300. O cronograma da operação está contemplando também o evento religioso, UMADESC, que acontecerá no Cabana Clube e terá à disposição um trailer com dois Guardas Municipais 24h. A Operação também irá atender toda extensão da zona rural que completa o município. Ao todo, serão 225 Guardas Civis Municipais atuando no período carnavalesco.

As rondas serão divididas em quatro quadrantes, separados por localidade. O primeiro quadrante compõe os bairros: Arcoverde, Centro, São Cristóvão, Bairro Novo, Cruz Alta. Rio Verde e São José. O quadrante II são: Nova Morada, São Miguel, Bela Vista, Loteamento Nezinho Arruda, Loteamento Jordão Cordeiro de Arruda, Cohab, Polis Pacas, Cidade Alta e Malhada do Meio.

O quadrante III, é composto por Nova Santa Cruz, Dona Dom, Loteamento Manoel Monteiro, Dona Lica 1 e 2. O quadrante IV, compõe os bairros: Pedra Branca, Santo Agostinho, Jaçanã, Acauã, N. Srª da Conceição, Armando Aleixo, Beco Aragão, Beira Rio e Palestina.

O prefeito Edson Vieira, comentou sobre os desafios e esforços que são executados pela gestão durante esse período carnavalesco, visando garantir a segurança da população. “Nós estamos executando esse trabalho desde o início da gestão, buscando garantir a tranquilidade dos moradores, tanto dos que permanecem como os que irão viajar e deixarão suas residências fechadas. Esse trabalho requer um esforço financeiro, tendo em vista que compramos as horas extras dos agentes, fornecemos veículos e alimentação e cedemos total apoio para o sucesso dessa operação”, pontuou.

O secretário de Defesa Social, Tenente-coronel Sena, afirmou também que as equipes vão atuar no foco para combater possíveis danos ao patrimônio. “Nós sempre buscamos fazer com que o carnaval seja um período de paz, e com isso, nos focamos em evitar possíveis arrombamentos e crimes que venham lesar os cidadãos de bem do município. Não vamos deixar de realizar as abordagens de rotina, mas com foco no zelo ao patrimônio”, frisou.

O subcomandante do 24° Batalhão de Polícia Militar, Major Neto, falou sobre os desafios que são impostos neste período e relembrou que o Batalhão tem sido referência na redução dos crimes. “Nosso batalhão tem mostrando, diante das dificuldades, empenho e qualidade na atuação. Tivemos a preocupação em buscar coibir os crimes com nossas operações de rotina, e essa do Carnaval nos possibilita ainda mais esforços e empenho de todo o comando e a tropa com a sociedade”, elencou.

Cronograma – O efetivo definido para esta operação conta com Guardas Civis Municipais, Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, SAMU, Conselho Tutelar e Secretaria de Mobilidade Urbana. A Prefeitura irá ter um custo extra de R$ 50 mil, no período carnavalesco.

Contatos dos órgãos de segurança:

Guarda Civil Municipal – (81) 99615-6389 (WhatsApp)
Polícia Militar – (81) 3759-8200 ou (81) 99488-5748 (WhatsApp).

Postagens mais visitadas deste blog

ZÉ ELIAS CONCEDE ENTREVISTA E FALA SOBRE O MOMENTO DIFÍCIL QUE ESTÁ PASSANDO

EDILSON TAVARES, UM OUTSIDER QUE DEU CERTO