Casa José Vieira de Araújo vota mais de 20 requerimentos em segunda reunião ordinária de 2018


A Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe realizou, na manhã desta terça-feira (06), a segunda reunião ordinária do primeiro período de 2018. A reunião ocorreu no plenário do Legislativo Municipal e na oportunidade os vereadores não fizeram o uso da Tribuna, entretanto, puderam debater a respeito de projetos de Lei e requerimentos. 

Durante a sessão, 21 requerimentos foram discutidos pelos vereadores, e apenas um foi reprovado. O requerimento, de autoria do vereador Zé Minhoca, que solicitava a pavimentação asfáltica da Av. Padre Zuzinha em Santa Cruz do Capibaribe, foi reprovado. A solicitação contou com 11 abstenções e apenas 4 votos favoráveis. 

Os vereadores Klemerson Pipoca (PSDB), Junior Gomes (PSB), Ronaldo Pacas (PR) Nailson Ramos (PMDB) e toda a bancada de oposição, sob orientação do líder, Carlinhos da Cohab (PTB), se abstiveram de votar. Já os vereadores Zé Minhoca (PSDB), Irmão Val (SD), Joab Gomes (PSD) e Dr. Nanau (PSDB) foram favoráveis a proposta. 

O vereador Helinho Aragão foi um dos que se abstiveram de votar, para ele o calçamento tem relação com a cultura e história da cidade. "Eu sempre me mostrei contrário ao asfaltamento da Av. Padre Zuzinha, por conversar com historiadores, pela questão da preservação cultural, para que em Santa Cruz tenha um centro histórico preservado. Acho que aquelas pedras de calçamento, com mais de 60 anos, dão uma beleza natural à 'rua grande", afirmou o mesmo. 

Para o presidente da Casa e autor do requerimento, Zé Minhoca, a pavimentação asfáltica garantiria progresso e desenvolvimento para a Av. Padre Zuzinha. "O asfaltamento traz progresso, traz bem-estar para as pessoas que moram ali. Eu tenho convicção absoluta, que 95% dos moradores querem o asfaltamento, mas a Câmara de Vereadores achou por bem reprovar (...). Eu sou contrário até a morte, mas também respeito a opinião deles até a morte", disse. 

Ainda na pauta, 8 projetos de Lei de autoria do poder Legislativo, porém, todos em caráter de apresentação, foram devidamente encaminhados às comissões competentes. 

Marcaram presença na sessão 15 parlamentares, os vereadores Toinho do Pará (PSB) e Jéssyca Cavalcanti (PTC) não estiveram presentes. A próxima sessão ordinária está marcada para depois do período carnavalesco, mais precisamente no dia 22 de fevereiro, às 14 horas. 

Alerta - O presidente ainda aproveitou para fazer um alerta aos foliões neste período de Carnaval. "Aproveito para chamar atenção dos santa-cruzenses que se deslocam durante o carnaval, para as praias, sítios e fazendas, que o façam com tranquilidade. O assunto que falo, é sobre a Lei Seca, que está atuando com muita propriedade e eficiência. Peço aos santa-cruzenses, se forem dirigir, não bebam, se forem beber, não dirijam", declarou.

Comentários

POSTAGENS MAIS ACESSADAS

CARLINHOS DA COHAB: MAIS ÁGUA PARA POÇO FUNDO E APOIO A DIOGO MORAES

PT estadual vota a favor da candidatura de Marília Arraes ao governo

Membros do PSD retornam ao grupo de situação em Santa Cruz do Capibaribe