Postagens

Mostrando postagens de Novembro 21, 2015

Atenção empresas com interesse no mercado internacional

Imagem

Dois projetos de Lei para instituir o Dia da Consciência Negra em Santa Cruz do Capibaribe

Imagem
Sabemos da importância de enfatizar o Dia da Consciência Negra em nosso município, mas acredito que dois projetos, com o mesmo teor, instituindo esse dia no calendário de Santa Cruz do Capibaribe já é exagero.
O Vereador Deomedes Brito apresentou a proposição em 2013, cuja aprovação foi feita através do Projeto de Lei 005/2013 e o prefeito Edson Vieira decretou na data de ontem (20) uma lei alusiva ao mesmo tema, conforme vemos abaixo:

Ernesto Maia (PSL) mostrou que o governo Vieira gastou mais de 13 milhões com aluguel de veículos

Imagem
O vereador Ernesto Maia fez um breve relato de suas ações e enfatizou a questão do surto da virose que assola a cidade. “Estive junto com o vereador Carlinhos da Cohab, hoje pela manhã, onde fomos ao encontro do promotor, e pasmem ele não sabia do surto de virose e nem do que está acontecendo no hospital. Ele se prontificou em ir amanhã visitar o hospital para tomar providências. Hoje também olhei vários blogs do estado de Pernambuco e a única noticia que encontrei foi um alerta de Diogo Moraes, o que significa que o surto é apenas aqui”.
Ernesto continuou seu discurso falando que existem casos em outras cidades, mas epidemia só existe aqui em Santa Cruz. O vereador falou ainda sobre o transporte escolar que tem apresentado uma série de problemas. “Ontem filmamos uma Kombi que faz o transporte escolar em poço fundo, sem as mínimas condições de fazer o serviço. Já foram pagos a empresa de locação de veículos, em apenas 3 anos do governo de 13 milhões, 267 mil e 86 reais, em apenas três…

O bom exemplo de Itamar e Hargreaves

Imagem
"Em um país em que a corrupção e a falta de vergonha já fazem parte do dia a dia, não é de se estranhar que ainda haja quem defenda e acoberte Eduardo Cunha, aberta ou veladamente", afirma o jornalista Hélio Doyle, colunista do 247; ele relata o episódio envolvendo Henrique Hargreaves, chefe da Casa Civil no governo Itamar Franco, que pediu exoneração do cargo, aceita por Itamar, após denúncias de que teria participado de desvio de dinheiro público; com a acusação não comprovada, Hargreaves retornou à função; "Para o cidadão comum, Eduardo Cunha tem de ter seu mandato cassado por ser ladrão, e não por ser mentiroso. O formalismo regimental da Câmara, as chicanas de deputados e advogados, as filigranas ridículas não interessam à população"; confira íntegra
Amigo do então presidente Itamar Franco, Henrique Hargreaves era o chefe da Casa Civil de seu governo. Poderoso, portanto, embora mantivesse no Planalto a mesma simplicidade que mostrava como alto funcionário do Se…