Professor diz que foi implantada uma ditadura na "Cidade da Chance"

O professor Marcos Vier postou na sua página no Facebook a sua insatisfação com atitudes do Secretário de Educação Dimas Dantas. Marcos diz que foi implantada uma ditadura na "cidade da chance". 


A professora e sindicalista Luciene Cordeiro comentou a postagem e diz que também ficou indignada com a atitude do secretário.

Luciene Cordeiro: "Só quem estava (na reunião) sabe o tamanho do constrangimento da professora, e daqueles que estavam lá, ela NÃO estava TENTANDO ARRANJAR UMA VAGA, ela conseguiu a vaga dentro do limite de vagas sim, e quando foi fazer a matrícula informou que pegaria seu filho ao meio dia porque só trabalhava até aquele horário. Qual é o problema? Qual é o objetivo de CRECHE? Não será atender a mãe no seu horário de trabalho? Onde está escrito que professor não pode matricular seu filho na Escola Pública? O problema da demanda de mães não é problema da professora é uma questão de gestão pública. Ao invés de proibir a mãe " professora" de matricular seu filho em uma creche pública vamos lutar por mais CRECHE. É bom entender que a professora não estava buscando privilégio nenhum, ela fez a matrícula dentro do número de vagas. A atitude do Secretário nos deixou indignados sim. É absurda essa postura".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

Carreata da Frente Popular lota as ruas de Santa Cruz do Capibaribe em apoio à campanha de Paulo Câmara