Palavras que edificam


Sua meditação diária na Palavra de Deus

O tolo não tem prazer na sabedoria, mas só em que se manifeste aquilo que agrada o seu coração. Provérbios 18:2.

Quando uma pessoa só quer ouvir aquilo que lhe agrada, a bíblia o chama de tolo. É  a pessoa enganar a si mesma, mesmo sabendo que a verdade é outra.
Se alguém é consciente de sua situação e quer  melhorar o seu caminhos,  então deve ouvir o que as pessoas falam  a seu respeito e considerar  a tal ponto de haver uma mudança , se caso for preciso. É assim que funciona a vida. As grandes organizações fazem isso, procuram saber o que dizem a respeito delas e mudam de estratégia conforme for necessário.

Jesus não teve o menor receio quando se avaliou diante dos seus discípulos: 


E, chegando Jesus às partes de Cesaréia de Filipe, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do homem? E eles disseram: Uns, João o Batista; outros, Elias; e outros, Jeremias, ou um dos profetas. Disse-lhes ele: E vós, quem dizeis que eu sou? Mateus 16:13-15. 


A sabedoria, muitas vezes, nos diz coisas que não queríamos ouvir, mas que são necessárias, o importante é atentar para as palavras e ponderar a reação e prosseguir em frente.
A sabedoria vem com verdades que nos pressionam a tomar um novo rumo, e sábio é quem atenta para as suas palavras.
Somente ouvir as coisas que nos agradam pode trazer um prejuízo enorme, pois poderemos viver num estado de engano, como se estivesse agradando e, na verdade, estamos nos prejudicando.
Um amigo de verdade nunca deixará o seu companheiro enganado, mas o ajudará a mudar, mesmo que seja um constrangimento dize-lo, mas uma palavra na hora certa muda muitas coisas e salva a quem ouve o conselho.
As palavras "amigas" massageiam nosso ego, mas podem esconder a verdade e é dessa que precisamos.

Evang. Dário Gomes de Araujo


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Gabarito preliminar das provas do Concurso Público da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe

SETE GOVERNADORES ENCARAM TEMER E DIZEM NÃO A PEDRO PARENTE